Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Óleo de peixe associado ao ácido ascórbico no diluidor para criopreservação de sêmen caprino / Fish oil associated to ascorbic acid in diluter for cryopreservation goat semen

Machado, W. M; Barbosa, L. P; Souza, R. S; França, C. S; Pinheiro, E. E. G; Lents, M. P; Araújo, R. C. S. A; Santana, A. L. A.
Arq. bras. med. vet. zootec; 70(1): 131-138, jan.-fev. 2018. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-19242

Resumo

O presente estudo teve como objetivo avaliar o efeito da inclusão de óleo de peixe associado ao ácido ascórbico no diluidor para criopreservação de sêmen caprino. Dois machos da raça Boer foram submetidos à coleta de sêmen pelo método de vagina artificial, sendo os ejaculados avaliados quanto aos aspectos físicos e morfológicos. Após avaliação, formou-se um pool, seguido do fracionamento em cinco grupos: G1 - diluidor citrato-gema e G2, G3, G4 e G5 - diluidor citrato-gema acrescido de 1,0; 2,0; 3,0 e 4,0% de óleo de peixe e 0,05% de ácido ascórbico, respectivamente. Após descongelamento, foram realizadas avaliações físicas do sêmen e os testes complementares de termorresistência lento (TTR), hiposmótico (HO), integridade acrossomal e compactação da cromatina espermática. Houve comportamento linear crescente (P<0,05) para motilidade pós-descongelamento. Não houve diferença (P>0,05) para vigor pós-descongelamento (2,00±0,24). No TTR não houve diferença (P>0,05) para motilidade e vigor espermáticos entre os tempos cinco e 180min, com médias inicial e final de 62,17±12,13 e 14,29±10,55 para motilidade e de 2,00±0,52 e 0,49±0,44 para vigor. Não houve diferença (P>0,05) para o HO, com porcentagem média de espermatozoides reativos de 23,5±5,96%. Houve comportamento linear crescente para acrossoma íntegro e decrescente para acrossoma irregular (P<0,05). Não houve diferença (P>0,05) na compactação da cromatina, com 97,06±1,17% de cromatina íntegra. A inclusão até 4% de óleo de peixe acrescido de ácido ascórbico no diluidor melhorou motilidade e integridade de acrossoma após a criopreservação.(AU)
The study aimed to evaluate the effect of fish oil inclusion associated with ascorbic acid in the thinner for goat semen cryopreservation. Two male Boers underwent semen collection through the artificial vagina method, ejaculates being then assessed for physical and morphological aspects. After evaluation, a pool was formed, followed by the split into five groups: G1 - yolk-citrate extender and G2, G3, G4 and G5 - yolk-citrate extender plus 1.0; 2.0; 3.0 and 4.0% fish oil and 0.05% ascorbic acid, respectively. After thawing, physical evaluations of semen were assessed and additional testing slow heat resistance (TTR), hiposmotic (HO), acrosome integrity and compression of sperm chromatin. There was linear increase (P<0.05) post-thaw motility. No difference was obtained for post-thaw vigor and there was no influence of the association of fish oil and ascorbic acid in TTR. Plasma membrane integrity, by hyposmotic test (HO), presented a mean of reactive spermatozoa of 23.5±5.96% (P>0.05). There was linear increase for intact acrosome and decreasing acrosome irregular (P<0.05). In the analysis of the chromatin compaction, approximately 3% of damages (P>0.05) were observed. The inclusion of 4% fish oil plus ascorbic acid in diluter improved motility and acrosome integrity after cryopreservation.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1