Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Assessment of intraocular pressure in chinchillas of different age groups using rebound tonometry / Pressão intraocular em chinchilas de diferentes faixas etárias utilizando tonômetro de rebote

Chacaltana, Flor Diana Yokoay Claros; Pigatto, João Antonio Tadeu; Denardin, Ione Terezinha.
Ci. Rural; 46(8): 1466-1471, ago. 2016.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-22518

Resumo

The aim of this research was to measure the intraocular pressure (IOP) of normal chinchilla eyes using the rebound tonometer. A further aim was to assess whether there were differences in the values of intraocular pressure in relation to animals age, gender and time of day. Thirty-six chinchillas were divided into three groups of 12 chinchillas each, by age: Group I (2-6-month-old), Group II (20 and 34 months) and Group III (37 and 135 months). Ophthalmic examination was performed previously by Schirmer tear test, slit lamp biomicroscopy, indirect ophthalmoscopy and fluorescein test in all chinchillas. Three measurements of intraocular pressure were assessed on the same day (7, 12 and 19h). Tonometry was performed on both eyes using the rebound tonometer after calibration in "p" mode. Statistical analysis was performed with SigmaPlot for Windows. The mean IOP for groups I, II and III were 2.47±0.581mmHg, 2.47±0.581mmHg and 2.51±0.531mmHg, respectively. No significant differences were reported between age and IOP and no significant differences were reported between the time of day and IOP. The IOP in chinchillas did not differ significantly between genders or ages of the animals, and did not change with time of day.(AU)
Objetivou-se aferir a pressão intraocular (PIO) em olhos saudáveis de chinchilas usando o tonômetro de rebote. Além disso, pretende-se verificar se existem diferenças nos valores de pressão intraocular em relação à idade e ao sexo dos animais e o período do dia. Trinta e seis chinchilas foram divididas em três grupos com 12 animais cada, considerando as idades, designados por GI (2-6 meses), GII (20-34 meses) e GIII (37-135 meses). Previamente, foi realizado exame oftalmológico, incluindo teste da lágrima de Schirmer, biomicroscopia com lâmpada de fenda, oftalmoscopia indireta e teste de fluoresceína em todas as chinchilas. Foram realizadas três aferições da pressão intraocular num mesmo dia (7, 12 e 19 horas). A tonometria foi realizada em ambos os olhos, usando o tonômetro de rebote calibrado no modo "p". Análise estatística foi realizada com o programa SigmaPlot para Windows a fim de analisar os dados. A média da PIO para o G I, G II e G III foi de 2,47±0,581mmHg, 2,47±0,581mmHg e G III de 2,51±0,531mmHg, respectivamente. Não houve diferenças significativas entre a idade e a PIO e não houve diferenças significativas entre as horas do dia e a PIO. Os valores da PIO em chinchilas não sofreram alterações decorrentes do sexo e da idade dos animais e não foram significativamente diferentes em distintas horas do dia.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1