Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Effect of organic acids or monensin-sodium addition on fatty acid production of short chain and methane through the ruminal fermentation in vitro / Efeito da adição de ácidos orgânicos ou monensina sódica na produção de ácidos graxos de cadeia curta e metano através da fermentação ruminal in vitro

Silveira, Alisson Minozzo da; Viegas, Julio; Bayer, Cimélio; Kozloski, Gilberto Vilmar; Cerutti, Weiler Giacomazza; Moro, Guidiane; Pereira, Stela Naetzold; Tonin, Tiago João; Carpes, Rotchyelly Prestes; Dotto, Lisiani Rorato; Vargas, Diego Prado de.
Semina Ci. agr.; 37(1): 439-448, jan.-fev. 2016. graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-23033

Resumo

Food additives may increase food and animal production efficiency, as well as reduce the production of enteric methane (CH4). With the aim to evaluate the influence of organic additives in two concentrations (250 and 500 ppm) in the production of CH4 (mL), short chain fatty acids (SCFA), ammonia nitrogen (N-NH3) and pH, an experiment in vitro gas was conducted, having two control groups, one as a negative control without the presence of additive and another as a positive control, with the addition of monensin-sodium (30ppm). The experiment was arranged in a completely randomized design with three replications. The treatment with monensin-sodium increased the propionate production (p<0.05) and decreased (p<0.05) CH4, acetate, butyrate, valerate, isobutyrate, isovalerate production, the acetate/ propionate ratio and total SCFA production compared to treatment without additive, the N-NH3 concentration being unchanged. Among CTX 250 and 500 organic acids treatments, only 500 CTX showed a trend (p<0.10) to decrease in N-NH3 concentrations, with no significant changes (p>0.05) in the remaining parameters related to treatment without additives. In this sense, monensin-sodium shows characteristics of modulation of rumen environment.(AU)
Aditivos alimentares podem aumentar a eficiência dos alimentos e a produção animal, bem como reduzir a produção de metano (CH4) entérico. Com objetivo de avaliar a influência de aditivos orgânicos em duas concentrações (250 e 500ppm) na produção de CH4 (mL), ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), nitrogênio amoniacal (N-NH3) e no pH, foi conduzido um experimento in vitro gás, tendo dois controles, um negativo sem a presença de aditivo e outro positivo, com à adição de monensina sódica (30ppm). O experimento foi organizado em um delineamento inteiramente casualizado, com três repetições. O tratamento com monensina sódica aumentou (p<0.05) a produção de propionato e diminuiu (p<0.05) a produção de CH4, acetato, butirato, valerato, isobutirato, isovalerato, a relação de acetato/propionato e a produção total AGCC em relação ao tratamento sem aditivo, não alterando a concentração de N-NH3. Dos tratamentos com ácidos orgânicos CTX 250 e 500, somente o CTX 500 mostrou tendência (p<0.10) a diminuição nas concentrações de N-NH3, sem alterações significativas (p>0.05) nos demais parâmetros avaliados em relação ao tratamento sem aditivos. Neste sentido a monensina sódica apresenta características de modulação do ambiente ruminal.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1