Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Thermoregulatory responses of sindhi and guzerat heifers under shade in a tropical environment / Respostas termorregulatórias de novilhas sindi e guzerá sob condições de sombra em um ambiente tropical

Fonsêca, Vinícius de França Carvalho; Cândido, Ebson Pereira; Neto, Severino Gonzaga; Saraiva, Edilson Paes; Furtado, Dermeval Araújo; Gama, Jean Francisco Pereira; Nascimento, George Vieira do; Saraiva, Carla Aparecida Soares; Almeida, Gabriel Henrique Oliveira.
Semina Ci. agr.; 37(6): 4327-4338, nov.-dez. 2016. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-23274

Resumo

This study characterized the thermal environment and assessed the physiological aspects of acclimatization of Sindhi and Guzerat heifers in a tropical environment (Brazil) under shade. Eight Sindhi and eight Guzerat purebred heifers (Bos indicus) had their physiological traits measured twice a day (9:00 a.m. and 2:00 p.m.). Environmental data during the experimental period were collected at two-hour intervals between 5:00 a.m. and 5:00 p.m. The temperature-humidity (THI) and the black globe temperature-humidity (BGHI) indices were calculated, and surface temperature (St), respiratory rate (Rr), and rectal temperature (Rt) were collected, being used to estimate heat loss by cutaneous (Ec) and respiratory (Er) evaporation. In the warmer parts of the day (1:00 and 3:00 p.m.), the THI and BGHI reached values of 80.26 and 81.25, respectively. There was no significant difference in rectal temperatures between the breeds, but higher values were observed in the afternoon. Heat transfer by cutaneous evaporation reached 118.71±12.91 W.m-2 and 103.43±6.82 W.m-2 at 2:00 p.m. for the Sindhi and Guzerat heifers, respectively. Under these conditions (air temperature was between 29 and 30°C), 84% of the total latent heat loss in Sindhi and Guzerat heifers was represented by Ec. It can be concluded that Sindhi and Guzerat heifers can maintain homeothermy with minimal thermoregulatory effort under shade conditions in a tropical environment.(AU)
Objetivou-se com este estudo caracterizar o ambiente térmico e respostas fisiológicas de novilhas Sindi e Guzerá em ambiente tropical. Oito novilhas Sindi e oito Guzerá (Bos indicus) foram utilizadas para medições fisiológicas duas vezes ao dia (09:00 e 14:00). Durante o período experimental, os dados ambientais foram coletados em intervalos de duas horas, entre 05:00 e 17:00. O índice de temperatura-umidade (ITU) e o de globo negro-umidade (ITGU) foram calculados. Foram aferidas a temperatura de superfície (TS) , frequência respiratória (FR) e a temperatura retal (TR), sendo estimados a perda de calor por evaporação cutânea (EC) e pelo trato respiratório (Er). Nos horários mais quentes do dia (01:00 e 15:00), o ITU e ITGU atingiram valores de 80,26 e 81,25, respectivamente. Não houve diferença significativa para a temperatura retal entre as raças, contudo, valores mais elevados foram observados no período da tarde. As estimativas para a transferência de calor latente via evaporação cutânea atingiram 118,71 ± 12,91 W.m-2 e 103,43 ± 6,82 W.m-2 no período da tarde (2:00) para as novilhas Sindi e Guzerá, respectivamente. Em condições de temperatura do ar entre 29 e 30 ° C, 84% da perda de calor latente total em novilhas Sindi e Guzerá foi representada pela Ec. Pode-se concluir que novilhas Sindi e Guzerá criadas em condições de sombra, numa região tropical, conseguem manter a homeotermia com baixo dispêndio de energia para a termorregulação.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1