Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Typology of family livestock production systems in the Pampa biome using the MESMIS method / Tipologia dos sistemas de produção da pecuária familiar no bioma pampa utilizando o método MESMIS

Nicoloso, Carolina da Silveira; Silveira, Vicente Celestino Pires; Coelho Filho, Roblein Cristal; Quadros, Fernando Luiz Ferreira de.
Semina Ci. agr.; 40(6,supl.2): 3249-3268, 2019. mapas, ilus, graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-25666

Resumo

Livestock farming plays a significant role in Rio Grande do Sul state. The current global dynamics of grain appreciation have triggered the advance of agricultural production, especially soybean, over the gaucho Pampa biome. These changes determine the path of production system sustainability; however, it remains unclear how sustainable these production systems are. A typology of 90 family livestock production systems in the Pampa biome was performed as a function of sustainability using the MESMIS method and cluster analysis. The production systems were grouped into three different groups: SPPF, least sustainable, with a higher percentage of crops in the systems, more soybean crops, lower share of income from livestock production, and less native field area. SPPF more sustainable, presented greater sustainability, with smaller crop areas in relation to the total area, more native field in the systems, a more standardized herd, greater crop diversification, and a higher level of formal education and producer participation. SPPF intermediary presented higher productivity then the least sustainable SPPF, self-sufficiency equal to that of the other groups, and similar results to SPPF least sustainable for the other attributes (p < 0.05).(AU)
A pecuária desempenha um papel significativo no estado do Rio Grande do Sul. A atual dinâmica de valorização dos grãos, ocorrida em nível global, desencadeou o avanço da produção agrícola, especialmente da soja, sobre o bioma gaúcho do Pampa. Essas mudanças determinam o caminho de sustentabilidade dos sistemas de produção; e quão sustentáveis são esses sistemas de produção? Uma tipologia de 90 sistemas de produção da pecuária familiar no bioma Pampa foi realizada em função da sustentabilidade, utilizando o método MESMIS e análise de agrupamento. Os sistemas de produção foram agrupados em três grupos distintos: SPPF menos sustentável, apresentou maior percentual de lavouras nos sistemas, mais lavouras de soja, menor participação da produção pecuária, menor área de campo nativa. O SPPF mais sustentável, teve menores áreas de lavouras em relação à área total, mais campo nativo nos sistemas, rebanho mais padronizado, maior diversificação de culturas e maior nível de educação formal e participação dos produtores. O SPPF intermediário apresentou maior produtividade que o SPPF menos sustentável, autossuficiência igual aos demais grupos e resultados semelhantes ao SPPF menos sustentável para os demais atributos (p < 0,05).(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1