Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Physiological and performance in overcoming dormancy in seeds Brachiaria brizantha under artificial chemical treatment and aging / Desempenho fisiológico e superação de dormência em sementes de Brachiaria brizantha submetidas a tratamento químico e envelhecimento artificial

Cardoso, Eliana Duarte; Sá, Marco Eustáquio de; Haga, Kuniko Iwamoto; Binotti, Flávio Ferreira da Silva; Nogueira, Débora Cristiane; Valério Filho, Walter Veriano.
Semina Ci. agr.; 35(1): 21-38, Jan.-Feb.2014. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-25985

Resumo

The use of seeds of B. brizantha has increased, however, the physiological quality of seeds available to the producer is still a limiting factor for a good performance culture. The objective of this study was to evaluate the effects caused by chemical scarification, different periods of aging and priming on physiological quality and overcoming seed dormancy B. brizantha cv. MG-5 Victory. The seeds were subjected to chemical scarification H2SO4 (presence and absence), artificial aging periods (zero, 24, 48, 72, 96, 120, 144 and 168 hours) at 41 C and priming using the 0,2 KNO3 % (presence and absence) for two hours at 25 º C, creating a completely randomized design in factorial 2x8x2, with four repetitions. The seeds were evaluated by testing germination and vigor. Chemical scarification is an effective method for breaking dormancy, but decreases the physiological seed. Overcoming seed dormancy B. brizantha occurs with the use of artificial aging for non-scarified and scarified seeds. Priming generally has no effect on the physiological quality and overcoming seed dormancy B. brizantha, however, it provides less loss of cellular constituents.(AU)
A utilização de sementes de B. brizantha tem aumentado, porém, a qualidade fisiológica das sementes colocadas à disposição do produtor é ainda um fator limitante para um bom desempenho da cultura. O objetivo do trabalho foi avaliar os efeitos causados pela escarificação química, diferentes períodos de envelhecimento artificial e condicionamento fisiológico sobre a qualidade fisiológica e superação de dormência das sementes de B. brizantha cv. MG-5 Vitória. As sementes foram submetidas à escarificação química H2SO4 (presença e ausência), períodos de envelhecimento artificial (zero, 24, 48, 72, 96, 120, 144 e 168 horas) à 41ºC e condicionamento fisiológico utilizando-se KNO3 a 0,2% (presença e ausência) por duas horas à 25ºC, constituindo um delineamento experimental inteiramente casualizado (DIC) em esquema fatorial 2x8x2, com quatro repetições. As sementes foram avaliadas por meio de testes de germinação e vigor. A escarificação química é um método eficaz para superação de dormência, porém reduz o potencial fisiológico das sementes. Superação de dormência das sementes de B. brizantha ocorre com o emprego do envelhecimento artificial para sementes não escarificadas e escarificadas. O condicionamento fisiológico de modo geral não tem efeito sobre a qualidade fisiológica e superação de dormência das sementes de B. brizantha, todavia, o mesmo propicia menor perda de constituintes celulares.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1