Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Consumer preferences toward organic food and the moderating role of knowledge: a case of Pakistan and Malaysia

Kashif, Umair; Hong, Chen; Naseem, Snovia; Khan, Waris Ali; Akram, Muhammad Waqar.
Ci. Rural; 50(5)2020.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-26254

Resumo

ABSTRACT: The present study aimed to identify the elements of the Theory of Planned Behaviour along with health consciousness and determine the role of knowledge as a moderating variable in Pakistan and Malaysia. Three hundred and forty-one observations from Pakistan and 280 observations from Malaysia were acquired through questionnaire; while, confirmatory factor analysis and structural equation modelling was applied for the analysis. The magnitude of the results varied across both countries; however, attitude, subjective norms and health consciousness, as well as their interaction terms, were significant predictors, whereas, perceived behavioural control and its knowledge interaction terms had insignificant impacts on the purchase intentions of consumers for both countries. This research will help to further understand about consumer perception in the purchase of organic food items, which will assist retailers, advertisers and manufacturers in developing strategies for such products.
RESUMO: O presente estudo teve como objetivo identificar os elementos da teoria do comportamento planejado juntamente com a consciência em saúde, e determinar o papel do conhecimento como uma variável moderadora no Paquistão e na Malásia. 341 observações do Paquistão e 280 observações da Malásia foram adquiridas através de questionário; enquanto que análise fatorial confirmatória e modelagem de equações estruturais foram aplicadas para a análise. A magnitude dos resultados variou entre os dois países. No entanto, atitudes, normas subjetivas e consciência da saúde, bem como seus termos de interação, foram preditores significativos, enquanto que controle comportamental percebido e seus termos de interação do conhecimento tiveram impactos insignificantes nas intenções de compra dos consumidores para os dois países. Esta pesquisa ajudará a entender melhor a percepção do consumidor na compra de alimentos orgânicos, o que ajudará varejistas, anunciantes e fabricantes no desenvolvimento de estratégias para esses produtos.
Biblioteca responsável: BR68.1