Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Efficacy and limitations of different approaches to anticipate the diagnosis of pregnancy in cattle / Eficácia e limitações de diferentes abordagens para antecipar o diagnóstico de gestação em bovinos

Palhão, M. P; Guimarães, C. R. B; Lima, J. F. J. F. M; Mendonça, M. R; Fernandes, C. A. C; Neves, J. P; Garcia, J. A. D; Gioso, M. M; Miglino, M. A; Viana, J. H. M.
Arq. bras. med. vet. zootec; 71(6): 1909-1916, Nov.-Dec. 2019. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-26564

Resumo

The study evaluated sonographic and serologic exams performed for early (20 to 30d) diagnosis of pregnancy. One hundred-twenty (n= 120) bovine recipients were synchronized (estrous=D0) and timed embryo transferred (TET, D7) with fresh in vitro produced embryos. In the first trial (n= 46), diagnosis of pregnancy was performed on day 20 (D20) by detecting CL blood flow (BF) and by Pregnancy-Associated Glycoproteins (PAGs) serology. In the second trial (n= 30), pregnancy diagnosis was performed on D25 by ultrasound visualization of uterine contents and by PAGs serology. In the last trial, PAG's serology was performed on D30. Ultrasonographic detection of the uterine contents and embryo viability performed on D30 (DG30) was considered the gold standard. The PROC FREQ procedure was used to test the agreement between diagnostic methods. On D20, the Doppler ultrasonography of the CL had showed high sensitivity (100%), but only moderate specificity (53.3%). On the same day, serologic diagnostic had no agreement (k= -0.08, P< 0.46) with the gold standard, with very low sensitivity (6.3%). However, the sensitivity of the serologic exam increased dramatically (from 6.3 to 100%) from D20 to D25, and it contributed to detect false negatives from the ultrasound diagnosis, improving the overall accuracy from 90% to 96.7%.(AU)
O estudo foi planejado para correlacionar exames ultrassonográficos e sorológicos realizados para o diagnóstico precoce (20 a 30d) de gestação. Cento e vinte (n= 120) receptoras bovinas foram sincronizadas (estro=D0), e embriões frescos produzidos in vitro foram transferidos em tempo fixo (TETF, D7). No experimento 1 (n= 46), o diagnóstico de gestação foi realizado no D20, pela detecção do fluxo sanguíneo do CL e pela sorologia de glicoproteínas associadas à gestação (PAGs). No experimento 2 (n= 30), a detecção da gestação foi realizada por meio da visualização do conteúdo do útero e também pela sorologia para PAGs. No experimento 3, a sorologia para PAGs foi realizada no D30. Em todos os experimentos, a visualização ultrassonográfica da vesícula e da viabilidade embrionária, realizada no D30, foi considerada padrão-ouro. O procedimento PROC FREQ testou o nível de concordância dos métodos diagnósticos. No D20, o diagnóstico baseado na vascularização do CL mostrou alta sensibilidade (100%) e apenas moderada especificidade (53,3%). Nesse mesmo dia, o diagnóstico sorológico não apresentou concordância (k=-0,08, P<0,46) com o padrão-ouro, além de baixa sensibilidade (6,3%). No entanto, a sensibilidade do exame sorológico aumentou drasticamente (6,3 para 100%) do D20 para o D25, contribuindo para detectar falsos negativos diagnosticados pela ultrassonografia, melhorando a acurácia (90 para 96,7%).(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1