Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Characterization of goat and sheep production in the state of Sergipe, Northeast of Brazil / Caracterização do sistema de produção de caprinos e ovinos no estado de Sergipe, Nordeste do Brasil

Carvalho, Jeferson da Silva; Silva, Tatiane Rodrigues da; Santos, Paulo Vinícius de Morais; Almeida, Fábio Franco; Jesus, Taile Katiele Sousa de; Rizzo, Huber.
Acta Vet. bras.; 14(2): 121-131, jun. 2020. mapas, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-27009

Resumo

Characterization of the profile of goat and sheep production in Sergipe enables better understanding of the main barriers linked to low productivity, generating important information for the development of this sector. The objective was to identify and characterize the production of goats and sheep in Sergipe. From 2011 to 2014, 41 goat properties and 60 sheep properties were analyzed, located in 25 municipalities in the three mesoregions of the State (Leste, Agreste, and Sertão). The information was obtained through application of a structured questionnaire to the farmers addressing topics such as: characterization of the property, herd, facilities, sanitary, nutritional, and reproductive management, and socioeconomic aspects of the farmer.  The results demonstrated that 58.5% (24/41) of goat farms had an area less than 30 hectares (ha), reared predominantly mixed breed animals (SRD), with low use of technologies, aiming at family consumption, and complementing income through local marketing. On the sheep properties, 58.3% (35/60) were over 100 ha and used for the production of Santa Inês sheep and crossbreeds together with cattle. Significant flaws were also observed in feed, sanitary, and reproductive management, emphasizing the non-use of preserved foods and forages typical of the region, factors that contribute to the low level of productivity and ustainability of production in a viable and homogeneous manner. The findings led to the conclusion that more organized production is necessary, mainly through investment in technologies and qualified and continuous rural extension, aiming at improving the production, productivity, income, and quality of life of the breeders.(AU)
A caracterização do perfil das criações possibilita um maior entendimento dos principais entraves ligados a baixa produtividade e auxilia na disponibilização de dados importantes para a busca de soluções para crescimento da ovinocaprinocultura. O presente trabalho teve como objetivo caracterizar o sistema de produção de caprinos e ovinos no estado de Sergipe. Foram visitadas entre os anos de 2011 e 2014, 41 e 60 propriedades de caprinos e ovinos, respectivamente, localizadas em 25 municípios distribuídos nas três mesorregiões do Estado (Leste, Agreste e Sertão). O levantamento dos dados ocorreu pela aplicação de questionário junto aos proprietários, com temas referentes às características do rebanho, instalações, manejo sanitário, nutricional e reprodutivo eperfil do criador. A caprinocultura foi caracterizada como atividade complementar da renda de pequenos produtores rurais, com a maioria do rebanho representado por animais de padrão racial não definido e pela raça Saanen. A atividade é voltada ao consumo familiar com baixo uso tecnológico e produção leiteira para atendimento do comércio local. Enquanto que na ovinocultura, os rebanhos são compostos por animais puros e mestiços da raça Santa Inês mantidos em grandes áreas de terra devido a sua criação consorciada com bovinos. As falhas de manejo observadas nos rebanhos caprinos e ovinos comprometem a viabilidade do sistema de produção, contribuindo com maiores desafios para ovinocaprinocultura sergipana em atender a demanda do mercado consumidor do Estado(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1