Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Performance and economic viability of tambaqui, Colossoma macropomum, selectively bred for weight gain / Desempenho e viabilidade econômica da produção do tambaqui, Colossoma macropomum melhorado geneticamente para ganho de peso

Silva, Ana Carla Carvalho; Barros, Adriana Fernandes de; Mendonça, Flávia Maria Fernandes; Gama, Kamyla Fernanda da Silva; Marcos, Rebeca; Povh, Jayme Aparecido; Fornari, Darci Carlos; Hoshiba, Márcio Aquio; Abreu, Janessa Sampaio de.
Acta amaz.; 50(2): 108-114, abr.-jun. 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-28268

Resumo

Tambaqui, Colossoma macropomum, is one of the most produced species in Brazilian fish farming, which has boosted the development of new technologies to increase its productivity. The aim of this study was to evaluate production performance in two second-generation tambaqui stocks selectively bred for weight gain in a semi-intensive rearing system and assess its influence on total production cost. We analyzed 300 fish (initial mean weight and standard length of 160 g and 17 cm, respectively) of two families (A and B, 150 fish each). The fish were individually marked with microchips and stocked in an 800-m2 excavated pond. For economic analysis, the obtained performance data were extrapolated for a fish farm with a 10-ha pond, adopting the Total Production Cost methodology. After 270 days of farming, the fish from family B were significantly superior (p < 0.05) for all analyzed performance parameters (final weight = 1965.0 g; weight gain = 1786.7 g; biomass gain = 255.2 kg) and morphometric growth in relation to the fish from family A (final weight = 1881.0 g; weight gain = 1737.5 g; biomass gain: 217.7 kg). The total production cost estimations indicated that fish from family B would allow for a 4% reduction in the average fixed cost and a 1% decrease in the total average production cost.(AU)
O tambaqui, Colossoma macropomum, é uma das espécies mais produzidas na piscicultura brasileira, o que tem impulsionado o desenvolvimento de novas tecnologias para aumentar sua produtividade. O objetivo deste estudo foi avaliar o desempenho da produção de dois estoques de tambaqui de segunda geração melhorada geneticamente para ganho de peso em um sistema de criação semi-intensivo, e avaliar sua influência no custo total de produção. Foram analisados 300 peixes (peso e comprimento padrão inicial médio de 160 g e 17 cm, respectivamente) de duas famílias (A e B, 150 peixes cada). Os peixes foram marcados individualmente com microchips e estocados em um tanque escavado de 800 m2. Para análise econômica, os dados de desempenho obtidos foram extrapolados para uma piscicultura com 10 ha de lâmina dágua, adotando a metodologia Custo Total de Produção. Depois de 270 dias de cultivo, os peixes da família B foram significativamente superiores (p < 0,05) para todos os parâmetros de desempenho analisados (peso final = 1965,0 g; ganho de peso = 1786,7 g; ganho de biomassa = 255,2 kg) e crescimento morfométrico em relação aos peixes da família A (peso final = 1881,0 g; ganho de peso = 1737,5 g; ganho de biomassa: 217,7 kg). As estimativas de custo total de produção indicaram que os peixes da família B permitiriam uma redução de 4% no custo fixo médio e uma redução de 1% no custo médio total de produção.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1