Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Toxoplasma gondii and Neospora caninum infections and factors associated in goats in the Parana state, Southern Brazil / Infecções por Toxoplasma gondii e Neospora caninum e fatores associados em caprinos no estado do Paraná, Sul do Brasil

Romanelli, Paulo Roberto; Matos, Andressa Maria Rorato Nascimento de; Pinto-Ferreira, Fernanda; Caldart, Eloiza Teles; Oliveira, Juliana Silva de; Anteveli, Gabriela; Jeanfelice, Brenda Caroline dos Santos; Stolf, Rafael Luiz; Sanches, Tainá Favoreto; Kassab e Silva, Mariana; Minho, Alessandro Pelegrine; Cavalcante, Antônio Cezar Rocha; Freire, Roberta Lemos; Mitsuka-Breganó, Regina; Navarro, Italmar Teodorico.
R. bras. Parasitol. Vet.; 29(4): e003620, out. 2020. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-29804

Resumo

The aim of this study was to determine the occurrence of anti-Toxoplasma gondii and anti-Neospora caninum antibodies and their associated factors among goats in farms from the Paraná state, South Brazil. The serological analysis was performed by indirect ELISA on 629 goat serum samples collected from 32 farms distributed in five mesorregions from the state. Seropositivity was observed in 30.7% of the animals for T. gondii, 6.3% for N. caninum, and 3.0% for both agents. Final multiple regression models showed that the use of assisted reproduction decreased the chance of seropositivity for T. gondii (PR=0.70) and the slaughtering site on the farm (PR=2.03) increased it. To N. caninum, the supplying concentrated feed to animals (OR=4.80) and animal pre-weaning death (OR=9.96) increased the chance of seropositivity. The variables associated with these seropositivities suggest deficiencies in sanitation and reproductive management. In addition, it recognizes critical points of infection for animal production management.(AU)
O objetivo desse estudo foi avaliar a ocorrência de anticorpos anti-Toxoplasma gondii e anti-Neospora caninum e seus fatores associados em caprinos de propriedades do Estado do Paraná, Sul do Brasil. A análise sorológica foi realizada, utilizando-se ELISA indireto em 629 amostras de soro caprino, coletadas em 32 propriedades distribuídas em cinco mesorregiões do Estado. A soropositividade foi observada em 30,7% dos animais para T. gondii, 6,3% para N. caninum e 3,0% para ambos. Os modelos finais de regressão múltipla mostraram que o uso de reprodução assistida reduziu a chance de soropositividade para T. gondii (PR=0,70), enquanto a presença no local de abate na fazenda (PR=2,03) aumentou. Para N. caninum, o fornecimento de ração concentrada (OR=4,80) e a morte dos animais no pré-desmame (OR=9,96) aumentaram a chance de soropositividade. O estudo das variáveis associadas às soropositividades sugere deficiências no saneamento e no manejo reprodutivo dos Animais. Além disso, reconhece pontos críticos para a infecção no manejo da produção animal.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1