Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Congestive heart failure in a young cat with excessive moderator bands (false tendons) in the left ventricle / Insuficiência cardíaca congestiva em um gato jovem com bandas moderadoras excessivas (falsos tendões) em ventrículo esquerdo

Cony, Fernanda Genro; Bianchi, Matheus Viezzer; Argenta, Fernando Froner; Oliveira, Carolina Rodrigues; Stefanello, Carine; Pavarini, Saulo Petinatti.
Ci. Rural; 51(10): 1-5, 2021. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-32152

Resumo

Left ventricular false tendons are fibrous or fibromuscular bands that transverse the ventricular cavity and have no attachment to the mitral valve in many species. In cats it is considered a congenital defect that is rarely related to clinical disease and death in adult cats. A 45 days-old mixed breed cat had a history of inappetence since birth. At the physical exam the patient was lethargic and presented restrictive dyspnoea. At necropsy, there were marked ascites, hydrothorax, hepatomegaly with enhanced lobular pattern (nutmeg liver), and the lungs were markedly diminished (compressive pulmonary atelectasis). The heart was enlarged due to marked dilation of the cardiac chambers. Moreover, multiple slightly whitish and irregular cord-like structures were connecting the posterior papillary muscle to the interventricular septum (excessive moderator bands /left ventricular false tendons) at the left ventricle. Microscopically, these structures were characterized by a marked proliferation of fibrous connective tissue intermixed with Purkinje cells and well-differentiated cardiomyocytes lined by a single layer of endocardium. This study described a case of excessive moderator bands (left ventricular false tendons) in a young cat associated with congestive heart failure and death.(AU)
Falsos tendões são bandas fibrosas ou fibromusculares que atravessam a cavidade do ventrículo esquerdo, sem ligação com a valva mitral, em várias espécies. Nos gatos, a alteração é considerada um defeito congênito que raramente está relacionada com alterações clínicas e morte em gatos adultos. Um gato de 45 dias de idade, sem raça definida e com histórico de inapetência desde o nascimento foi encaminhado para atendimento veterinário. Ao exame físico apresentou letargia e dispneia restritiva. À necropsia, havia acentuada ascite, hidrotórax, hepatomegalia com evidenciação do padrão lobular (fígado noz-moscada) e os pulmões apresentavam-se acentuadamente diminuídos (atelectasia pulmonar compressiva). O coração apresentava acentuada dilatação das câmaras cardíacas. Em ventrículo esquerdo, havia numerosas estruturas brancacentas semelhantes a cordas conectando o músculo papilar ao septo interventricular (bandas moderadoras excessivas/falsos tendões). Microscopicamente, estas estruturas apresentavam acentuada proliferação de tecido conjuntivo fibroso, além de células de Purkinje e cardiomiócitos bem diferenciadas revestidas por uma única camada de endocárdio. O objetivo deste trabalho é descrever um caso de bandas moderadoras excessivas (falsos tendões) em ventrículo esquerdo de um gato jovem com insuficiência cardíaca congestiva e morte.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1