Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Celulite em frangos de corte por Escherichia coli revisão / Cellulitis in broilers caused by Escherichia coli review / Celulitis en pollos de engorde causada por Escherichia coli revision

Aguiar, Juliana Flor de; Silva, Welligton Conceição da; Camargo Junior, Raimundo Nonato Colares.
Vet. Zoot.; 27: 1-11, 21 dez. 2020.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-32588

Resumo

A avicultura brasileira alcançou, nos últimos anos, níveis de produtividade e de ajuste na sua organização que a colocam como uma das mais competitivas do mundo. O resultado é um produto com qualidade, sanidade e sustentabilidade, que, aliado a preços competitivos, levou o frango brasileiro a estar presente em mais de 150 países. O objetivo deste trabalho é proceder a uma revisão sobre a celulite aviária associada à ocorrência de Escherichia coli, destacando-se a etiopatogenia, o diagnóstico e a prevenção. Devido à fina espessura da pele dos frangos, vários fatores como deficiência nutricional, substâncias irritantes, toxinas, infecções e problemas de manejo podem, potencialmente, levar a lesões cutâneas. A Escherichia coli é uma bactéria do grupo coliforme que fermenta a lactose e o manitol, com produção de ácido e gás a 44,5 ± 0,2oC em 24 horas, produz indol a partir do triptofano, oxidase negativa, não hidrolisa a uréia e apresenta atividade das enzimas ß galactosidase e ß glucoronidase, sendo considerada o indicador mais específico de contaminação fecal recente e de eventual presença de organismos patogênicos. Portanto, a celulite, tendo a E. coli como agente causador, pode ser considerada como uma das mais importantes causas de condenação da carne de frango, gerando interesses em termos econômicos por conta das perdas financeiras impostas aos produtores. Além das perdas econômicas, há os riscos relativos à saúde pública, tornando-se necessária a reavaliação dos critérios de condenação em casos de celulite aviária determinados na legislação.(AU)
The Brazilian poultry industry has reached, in recent years, levels of productivity and adjustment in its organization that place it as one of the most competitive in the world. The result is a product with quality, health, sustainability, which, combined with competitive prices, has led Brazilian chicken to be present in more than 150 countries. The aim of this work was to review avian cellulite associated with the occurrence of Escherichia coli, highlighting its etiopathogenesis, diagnosis and prevention. Due to the thin skin of chickens, several factors such as nutritional deficiency, irritants, toxins, infections and handling problems can potentially lead to skin lesions. Escherichia coli is a coliform group bacteria that ferment lactose and mannitol, producing acid and gas at 44.5 ± 0.2oC in 24 hours, producing indole from tryptophan, negative oxidase, do not hydrolyze urea and have activity enzymes ß galactosidase and ß glucoronidase, being considered the most specific indicator of recent fecal contamination and the possible presence of pathogenic organisms. Therefore, cellulite with E. coli as the causative agent can be considered as one of the most important causes of condemnation of chicken meat, generating interests in economic terms due to the financial losses imposed on producers. In addition to economic losses, there are risks related to public health, making it necessary to reassess the condemnation criteria in cases of avian cellulite determined by law.(AU)
La avicultura brasileña ha alcanzado, en los últimos años, niveles de productividad y ajuste en su organización que la ubican como una de las más competitivas del mundo. El resultado es un producto con calidad, salud y sostenibilidad que, combinado con precios competitivos, ha llevado a la gallina brasileña a estar presente en más de 150 países. El objetivo de este trabajo fue revisar la celulitis aviar asociada con la aparición de Escherichia coli, destacando su etiopatogenia, diagnóstico y prevención. Debido al grosor delgado de la piel del pollo, varios factores como la deficiencia nutricional, irritantes, toxinas, infecciones y problemas de manejo pueden conducir a lesiones en la piel. Escherichia colies una bacteria del grupo coliforme que fermenta la lactosa y el manitol, con producción de ácido y gas a 44.5 ± 0.2oC en 24 horas, produce indol a partir de triptófano, oxidasa negativa, no hidroliza la urea y tiene actividad enzimas ß galactosidasa y ß glucoronidasa, considerándose el indicador más específico de contaminación fecal reciente y la posible presencia de organismos patógenos. Por lo tanto, la celulitis con E. colicomo agente causal puede considerarse como una de las causas más importantes de condena de la carne de pollo, generando intereses en términos económicos debido a las pérdidas financieras impuestas a los productores. Además de las pérdidas económicas, existen riesgos relacionados con la salud pública, por lo que es necesario reevaluar los criterios de condena en casos de celulitis aviar determinados por la ley.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1