Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Serum concentrations of acute phase proteins and immunoglobulins of calves with rotavirus diarrhea / Concentração sérica de proteínas de fase aguda e imunoglobulinas em bezerros acometidos por diarreia por rotavírus

Rocha, T. G.; Silva, F. D. F.; Bortoletto, C; Silva, D. G.; Buzinaro, M. G.; Zafalon, L. F.; Fagliari, J. J..
Arq. bras. med. vet. zootec; 68(4): 865-872, jul.-ago. 2016. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-340781

Resumo

The aim of the present study was to characterize changes in acute phase protein levels according to the occurrence of rotavirus diarrhea in calves in the first month of life. Blood and fecal samples were taken before colostrum intake and at 1, 2, 7, 15, 21 and 30 days of age from 24 Holstein calves allotted in three experimental groups: calves that did not present diarrhea (group A), calves that presented diarrhea, but tested negative for rotavirus in feces (group B), and calves that presented diarrhea and tested positive for rotavirus in feces (group C) (experiment 1). When the animals presented episodes of diarrhea, blood and fecal samples were taken at 24-hour intervals until the end of clinical signs (experiment 2). Serum proteins were separated by SDS-PAGE technique and rotavirus in feces was detected by PAGE. Data of experiment 1 were analyzed by ANOVA and Tukey's test, considered significant at P 0.05. Data of experiment 2 were subjected to the HSD test. Total protein, globulins, and IgG concentrations were lower in group C than in groups A and B. Ceruloplasmin and transferrin levels were higher in group C than in groups A and B. Serum concentrations of haptoglobin and 1-acid glycoprotein did not differ significantly between groups throughout the experimental period. Calves presented diarrhea between 10.4 and 14.6 days of age in group B, and between 10.3 and 14.6 days of age in group C. In the moments of diarrhea manifestation, least square means of IgA, haptoglobin and 1-acid glycoprotein concentrations did not differ significantly between groups B and C, but ceruloplasmin and transferrin concentrations were higher in group C than in group B, as opposed to what occurred with IgG levels. These findings show that optimizing passive immunity transfer of immunoglobulins decrease the likelihood of calves developing diarrhea caused by rotavirus. In addition, ceruloplasmin presents characteristics of a biomarker of rotavirus infection in calves.(AU)
O objetivo do presente estudo foi avaliar alterações nos teores de proteínas de fase aguda de acordo com a ocorrência de diarreia por rotavírus em bezerros no decorrer do primeiro mês de vida. Amostras de sangue e fezes de 24 bezerros da raça Holandesa foram coletadas antes da ingestão de colostro e com um, dois, sete, quinze, vinte um e trinta dias de idade, sendo os bezerros alocados em três grupos: bezerros que não apresentaram diarreia (grupo A), bezerros que apresentaram diarreia, mas foram negativos para a detecção de rotavírus nas fezes (grupo B) e bezerros que apresentaram diarreia e foram positivos para detecção de rotavírus nas fezes (grupo C) (experimento 1). Sempre que os animais apresentavam episódio de diarreia, amostras de sangue e fezes eram coletadas em intervalos de 24 horas até o término dos sinais clínicos (experimento 2). As proteínas séricas foram separadas por meio da técnica de SDS-PAGE e a pesquisa de rotavírus nas fezes foi realizada por meio da técnica de PAGE. Os resultados do experimento 1 foram analisados por meio de ANOVA e do teste de Tukey, considerado significativo quando P 0,05. Os dados do experimento 2 foram submetidos ao teste HSD. Os teores de proteína total, globulinas e IgG foram menores no grupo C que nos grupos A e B, os teores de ceruloplasmina e transferrina foram maiores no grupo C que nos grupos A e B e as concentrações séricas de haptoglobina e 1-glicoproteína ácida não diferiram significativamente entre grupos. Os bezerros manifestaram diarreia, em média, com 10,4 a 14,6 dias de idade no grupo B e com 10,3 a 14,6 dias de idade no grupo C. Nos momentos de manifestação de diarreia, os teores de IgA, haptoglobina e 1-glicoproteína ácida não diferiram significativamente entre os grupos B e C, mas os teores de ceruloplasmina e transferrina foram maiores no grupo C que no grupo B, oposto ao verificado para o teor de IgG. Esses achados mostram que a otimização da transferência de imunidade passiva de imunoglobulinas reduz a probabilidade de os animais apresentarem diarreia por rotavírus. Adicionalmente, a ceruloplasmina apresenta características de um biomarcador da infecção por rotavírus em bezerros.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1