Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Mathematical models for estimating the parameters of ruminal degradation kinetics of protein concentrates / Modelos matemáticos para estimação dos parâmetros da cinética de degradação ruminal de concentradosprotéicos

Teixeira, Ubiara Henrique Gomes; Simioni, Tiago Adriano; Bezerra, Rayane Pinho; Soares, Kaio Augusto Ribeiro Cavalini; Romualdo, Thayse Gomes; Torres, Rodrigo de Nazaré Santos; Silva, Henrique Melo; Pina, Douglas dos Santos.
R. bras. Saúde Prod. Anim.; 17(1): 73-85, jan.-apr. 2016. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-341346

Resumo

Objetivou-se com este estudo avaliar os parâmetros da cinética de degradação ruminal dos concentrados protéicos, farelo de soja(FS) e torta de algodão(TA). Para estimativa dos parâmetros da cinética de degradação in situ da matéria seca (MS) e proteína bruta (PB) dos concentrados, foi realizado o ajuste de 5 diferentes modelos matemáticos não-lineares: Exponencial, Van Milgen, Logístico, Gompertz e Richards. Para avaliação in situ dos alimentos, foram utilizados dois bovinos adultoscanuladosno rúmen. As amostras foram incubadas nos tempos 0; 2; 4; 6; 12; 16; 24; 36; 48 e 72 horas, nos resíduos de incubação foram determinados os teores de MS e PB, e sua degradabilidade potencial e efetiva. Os valores de degradabilidade efetiva da MS do FS foram de 86,35; 74,23 e 65,50%,e da TA de 53,44; 41,70 e 35,21% nas taxas de passagem de 0,02; 0,05 e 0,08.h-1, respectivamente. O FS e a TA apresentaram valores para a fração A da PB de 18,15 e 34,77% e para a fração B, 79,76 e 55,10%, respectivamente. De acordo com a ponderação de Akaike (Wi) o modelo de Richards apresenta; 95,45 e 49,64% de chance de ser o modelo mais adequado, para caracterizar a cinética de degradação in situ da MS do, FS e da TA, respectivamente. Contudo, o modelo de Gompertz apresenta 63,86 e 66,49 % de chance de ser o modelo mais adequado para caracterizar a degradação da PB do FS e TA.(AU)
This studied aimed to evaluate the parameters of ruminal degradation kinetics of protein concentrates, soybean meal (SM) and cotton cake (CC).To estimate the in situ degradation parameters of DM and CP from coproducts were fitted 5different non-linear mathematical models: Exponencial, Van Milgen, Logístico, Gompertz and Richards. For in situ evaluation were used two cattle cannulated in the rumen. The samples were incubate dat 0, 2, 4, 6, 12, 16, 24, 36, 48 and 72 hours and in the incubation residues were determined DM and CP and their degradability. The DM degradability of SM were 86.35, 74.23, 65.50% and to CC were 53.44, 41.70 and 35.21% in passage rates of 0.02; 0.05 and 0.08.h-1, respectively. The SM and CC showed values for the CP soluble fraction of the 18.15, 34.77% and 79.76, 55.10% to insoluble potentially degradable fraction, respectively. According to the Akaike weights (Wi) the model of Richards has 95.45 and 49.64% of chance to be the most suitable model to characterize the in situ DM degradation of SM and CC. However, the Gompertz model has 63.86 and 66.49% chance to be the most suitable model to characterize the CP in situ degradation of SM and CC.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1