Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Bird assemblage mist-netted in an Atlantic Forest area: a comparison between vertically-mobile and ground-level nets / Assembleia de aves capturadas em redes de neblina em uma área de Mata Atlântica: uma comparação entre redes verticalmente móveis e no nível do solo

Vecchi, M B; Alves, M A S.
Braz. J. Biol.; 75(3): 742-751, Aug. 2015. tab, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-341478

Resumo

Mist nets may be opened at different heights in the forest, but they are seldom used over 3 m above the ground. We used two different methods to compare species richness, composition, and relative abundance and trophic structure of the bird assemblage at Ilha Grande (with a 290 birds standardization): conventional ground-level nets (0-2.4 m height range) and elevated nets (0-17 m) with an adjustable-height system (modified from Humphrey et al., 1968) that we call vertically-mobile nets. There were significant differences in capture frequencies between methods for about 20% of the species (Chi-squared test, P<0.05), and the two methods caught different assemblages. Ground-level nets recorded less species, and they comparatively overestimated mainly Suboscine insectivores and underestimated frugivores and nectarivores. Different sampling methods used at the same location may result in very different diagnoses of the avifauna present, both qualitatively and quantitatively. We encourage studies involving mist net sampling to include the upper strata to more accurately represent the avifauna in Atlantic Forest.(AU)
Redes-de-neblina podem ser abertas a diferentes alturas na floresta, mas raramente são usadas acima de 3 m do chão. Usamos dois diferentes métodos para comparar riqueza, abundância relativa de espécies e estrutura trófica da assembleia de aves da Ilha Grande (com a padronização de 290 indivíduos): redes convencionais no nível do solo (0-2,4 m de altura) e redes bandeira (0-17 m) com um sistema de ajuste de altura (modificado de Humphrey et al., 1968) que denominamos redes verticalmente móveis. Houve diferenças significativas nas frequências de capturas entre os métodos em cerca de 20% das espécies (teste Qui-quadrado, P<0,05), e os dois métodos capturaram diferentes assembleias. Redes de neblina no nível do solo registraram menos espécies, e comparativamente superestimaram principalmente espécies insetívoras de Suboscine, e subestimaram frugívoras e nectarívoras. Métodos diferentes de amostragem usados em uma mesma localidade podem resultar em uma diagnose bem distinta da avifauna presente, tanto qualitativa como quantitativamente. Recomendamos que estudos envolvendo amostragens com redes-de-neblina incluam os estratos superiores para representar mais acuradamente a avifauna na Mata Atlântica.(AU)
Biblioteca responsável: BR1.1
Localização: BR68.1