Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Dissemination of bacteria labeled with technetium-99m after laparotomy and abdominal insufflation with different CO2 pressures on rats / Disseminação de bactérias marcadas com tecnécio-99m após laparotomia e insuflação com diferentes pressões de CO2 em ratos

Pitombo, Marcos Bettini; Faria, Clarice Abreu dos Santos Albuquerque de; Bernardo, Luciana Camargo; Steinbruck, Klaus; Bernardo Filho, Mario.
Acta cir. bras.; 23(1): 48-54, Jan.-Feb. 2008. graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-3562

Resumo

PURPOSE: To asses the dissemination of bacteria labeled with technetium-99m (99mTc) from peritoneal cavity after different surgical procedures. METHODS: Bacteria of the Escherichia coli species labeled with 99mTc were used in a concentration of 10(8) units of colony-makers for ml (UFC/ml) and 1ml was inoculated through intra-peritoneal via. Forty-eight rats were divided into four groups: control, laparotomy, pneumoperitoneum with 10mmHg and pneumoperitoneum with 20mmHg of CO2. Procedures were performed 20 min after injection of the inoculum and lasted 30 min. Animals were sacrificed after six hours (Group 1) and 24 hours (Group 2). Samples of blood, liver and spleen were collected for radioactivity counting. RESULTS: After six hours, indirect detection of the bacteria in different organs was uniform in all groups. After 24 hours, a larger detection of technetium was observed in the livers of animals of the group insufflated with 20mmHg of CO2, when compared with those of control group (p<0.01). The other groups did not present statistically significant variations. CONCLUSIONS: The use of a higher intra-abdominal pressure was associated with a higher bacterial dissemination to the liver. The application of lower intra-abdominal pressures may be associated with a lower dissemination of the infectious status during laparoscopic approach of peritonitis status.(AU)
OBJETIVO: Avaliar a disseminação de bactérias marcadas com tecnécio-99m (99mTc) a partir da cavidade peritoneal após diferentes procedimentos cirúrgicos. MÉTODOS: Foram utilizadas bactérias da espécie Escherichia coli marcadas com 99mTc em uma concentração de10(8) unidades formadoras de colônia por ml (UFC/ml) sendo inoculado 1ml por via intra-peritoneal. Quarenta e oito ratos foram divididos em quatro grupos: controle, laparotomia, pneumoperitôneo com 10 mmHg e pneumoperitôneo com 20 mmHg de CO2. Os procedimentos foram realizados 20 minutos após a injeção do inóculo e duraram 30 minutos. Os animais foram sacrificados após seis horas (grupo 1) e 24 horas (grupo 2). Foram coletadas amostras de sangue, fígado e baço para contagem radioativa. RESULTADOS: Após seis horas, a detecção indireta das bactérias nos diferentes órgãos foi uniforme em todos os grupos. Após 24 horas, observou-se uma maior detecção de tecnécio nos fígados dos animais do grupo insuflado com 20 mmHg de CO2, quando comparados aos do grupo controle (p<0,01). Os outros grupos não apresentaram variações estatisticamente significativas. CONCLUSÕES: A utilização de pressões intra-abdominais mais elevadas associou-se a uma maior disseminação bacteriana para o fígado. A utilização de pressões intra-abdominais menos elevadas na abordagem da peritonite pode estar associada a uma menor disseminação do quadro infeccioso.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1