Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Agentes bacterianos isolados de cães e gatos com infecção urinária: perfil de sensibilidade aos antimicrobianos / Bacterial agent isolated from dogs and cats with urinary infections: profile of antimicrobial sensibility

Ferreira, Michelle Caroline; Nobre, Danielle; Oliveira, Maria Gabriela Xavier de; Oliveira, Mirela Caroline Vilela de; Cunha, Marcos Paulo Vieira da; Menão, Márcia Cristina; Dellova, Deise Carla Aparecida; Knöbl, Terezinha.
Atas saúde ambient.; 2(2): 29-37, Mai-Ago. 2014. graf, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-378920

Resumo

The diagnosis of urinary tract infections (UTI) becomes a very important tool in small animal practice. With the increase of antimicrobial resistance, it is very important to have the information necessary to initiate appropriate treatment. The aim of this study was to determine etiological agents involved in UTI of dogs and cats, and to establish an antibiotic susceptibility profile. In order to achive this aim, we conducted a retrospective study using an electronic database on urine culture from 120 animals (dogs and cats) suspected of UTI. Results showed that 51% of samples had bacterial growth, with Escherichia coli predominance among dogs, and Staphlyococcus spp. among cats. The antimicrobial profile showed high level of drug resistance, above 40% for 10 of the 14 antibiotics tested.(AU)
O diagnóstico laboratorial das Infecções do Trato Urinário (ITU) é uma ferramenta importante na prática clínica de pequenos animais. Com o aumento de resistência aos antimicrobianos é muito importante dispor de informações necessárias para iniciar um tratamento adequado. O objetivo deste estudo foi determinar os agentes etiológicos mais comumente envolvidos em ITU de cães e gatos, bem como estabelecer os perfis de sensibilidade aos antimicrobianos. Para isso, foi realizado um estudo retrospectivo, utilizando-se um banco de dados eletrônico, reunindo resultados de urocultura de 120 animais (cães e gatos) com suspeita clinica de ITU.  Os resultados obtidos demonstraram que 51% das amostras analisadas apresentaram crescimento bacteriano, com predomínio de Escherichia coli na urina dos cães e de Staphlyococcus spp. na urina dos gatos.  O perfil de resistência antimicrobiana foi elevado, com resistência acima de 40% para 10 dos 14 antibióticos testados.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1