Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Buffalo behaviour at milking parlor in relation to production rates and adaptability to the environment: a review / Temperamento de búfalas em sala de ordenha sobre índices produtivos e adaptabilidade ao ambiente: uma revisão

Oliveira, Juliana Paula Felipe de; Rangel, Adriano Henrique do Nascimento; Barreto, Mayara Leilane de Jesus; Araújo, Viviane Maia de; Lima Júnior, Dorgival Morais de; Novaes, Luciano Patto; Aureliano, Igor de Paula Lopes.
J. Anim. Behav. Biometeorol.; 1(1): 21-30, 2013.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-379481

Resumo

Buffaloes have become an economically viable source of protein, due to its adaptability, precocity and longevity. The dogma that high productivity cannot be related with the animal welfare needs to be effectively broken down by making the producers aware, based on education and science, of the appropriate treatment to animals favors the productivity. To high milk production buffaloes and with ability for milking, this happens without suckling calves which are artificially suckled. This technique, when not properly performed, can provide negative consequences, like difficulties in animal adaptation to the milking environment, especially those who are facing this experience for the first time, like primiparous buffaloes. The development of methods for temperament evaluation added to management improvements in the productive unit is valuable to improve the welfare conditions for animals. The behavioral observation in the milking environment is a very important tool for the determination of the animal"s temperamental score which, in turn, is substantial to determine the level of welfare and conditioning/performance in this activity, and thus minimizing problems and negative consequences for animal handlers, animals and producer.(AU)
Bubalinos têm se tornado uma fonte economicamente viável de proteína, devido à sua adaptabilidade, precocidade e longevidade. O dogma de que o bem-estar animal não contribui positivamente com a alta produtividade precisa ser efetivamente desfeito por intermédio da mudança na consciência do produtor, baseada na capacidade educacional e na ciência de que o tratamento adequado aos animais favorece o aumento da produtividade. Em búfalas de elevada produção e boa aptidão para a ordenha, esta é feita sem o bezerro ao pé que é aleitado artificialmente. Tal técnica, quando não realizada de maneira adequada, pode trazer consequências negativas, como dificuldades na adaptação do animal ao ambiente de ordenha, principalmente àqueles que estão passando por essa experiência pela primeira vez como acontece com as búfalas primíparas. O desenvolvimento de métodos para avaliação temperamental aliado a melhorias de manejo na unidade produtiva é de grande valia para melhorar as condições de bem-estar para os animais. A observação comportamental no ambiente de ordenha é um instrumento de suma importância para a determinação do escore temperamental do animal que por sua vez é importante para determinar o nível de bem-estar e o condicionamento/desempenho diante dessa atividade, minimizando assim problemas e consequências negativas para os tratadores, animais e produtor.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1