Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Review of the breeding status of birds in Rio Grande do Sul, Brazil

N. Maurício, Giovanni; Ariel Bencke, Glayson; Repenning, Márcio; Borges Machado, Diogenes; A. Dias, Rafael; Bugoni, Leandro.
Iheringia. Sér. Zool.; 103(2)2013.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-437894

Resumo

Information on the breeding biology of birds is essential for improving avian life-history theory and implementing sound management and conservation actions for these organisms. Comprehensive reviews of this kind of information are lacking for most Neotropical regions, including Rio Grande do Sul, the southernmost Brazilian state. Aiming to update the knowledge on the reproductive status of birds in Rio Grande do Sul, we reviewed breeding records of all potential breeding species recorded in the state using a set of predefined, restrictive criteria for accepting breeding evidences as effective. Data satisfying our criteria were available for 165 species in the literature. We also collected novel breeding information obtained in the state for an additional 126 species, including observations for several species whose reproductive biology is poorly known. Among these are birds previously unknown to breed in Brazil. This new data and the critical review of the previous information resulted in a total of 291 species for which breeding evidences are accepted as effective. This corresponds to 54.7% of the 532 species considered either confirmed or potential breeders in the state. In addition to providing information on nesting dates, clutch size, nest architecture and breeding behavior of south Brazilian birds, our review serves as a benchmark for the adequate assessment of avian breeding records elsewhere. We hope to stimulate observers to rigorously document breeding events, especially for taxa for which basic information is lacking.
Informações sobre a biologia reprodutiva das aves são essenciais para aprimorar estudos teóricos sobre a história natural do grupo e implementar ações de manejo e conservação efetivas para esses organismos. Não existem revisões abrangentes sobre o tema para a maioria das regiões neotropicais, incluindo o Rio Grande do Sul, o estado mais meridional do Brasil. Com o objetivo de atualizar o conhecimento sobre o status reprodutivo das aves no Rio Grande do Sul, analisamos os registros reprodutivos de todas as espécies de aves que potencialmente se reproduzem no estado utilizando um conjunto de critérios pré-definidos e restritivos para avaliar a efetividade das evidências reprodutivas. Dados que satisfazem nossos critérios foram encontrados para 165 espécies na literatura. Também compilamos registros de reprodução inéditos obtidos no estado para outras 126 espécies, incluindo observações sobre diversas espécies cuja biologia reprodutiva é pouco conhecida. Entre elas estão espécies cuja reprodução no Brasil era até então desconhecida. Esses novos dados, em conjunto com a revisão crítica dos registros prévios, resultaram em um total de 291 espécies para as quais existem evidências de reprodução efetivas, o que corresponde a 54,7% das 532 espécies que efetiva ou potencialmente se reproduzem no estado. Além de fornecer informações sobre datas de nidificação, tamanho de postura ou prole, arquitetura de ninhos e comportamento reprodutivo das aves do sul do Brasil, nossa análise serve como referência para a avaliação adequada de registros de reprodução de aves em outras regiões. Esperamos estimular observadores a documentar rigorosamente eventos reprodutivos, especialmente para táxons que carecem de informações básicas.
Biblioteca responsável: BR68.1