Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Células somáticas no leite em rebanhos brasileiros

Fernando Machado, Paulo; Ribeiro Pereira, Alfredo; Felipe Prada e Silva, Luís; Adrian Sarriés, Gabriel.
Sci. agric.; 57(2)2000.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-439398

Resumo

A survey of data of the Lactation Physiology Laboratory of ESALQ - USP, Piracicaba, SP, Brazil was performed to characterize the somatic cell count (SCC) of herds. Descriptive statistics was used to analyze results of 7941 records collected between December 1996 and July 1998. The SCC mean was 641 thousand cells mL-1, standart deviation 767 thousand cells mL-1. The log2 transformation was also applied to SCC values, a new mean was calculated and then again transformed into SCC (307 thousand cells mL-1). This was the best way to present the real SCC values of the herds. The population of herds are distributed according to SCC count, considering the SCC limits of 250, 500, 750, 1000, 1250 e 1500 thousand cells mL-1, in the following percentages: 26, 53, 71, 83, 89, 93%. The quartiles of the samples were 25, 50, 75, 90, 95, 99 e 100% showing 244, 468, 815, 1302, 1797, 4099, 9223 thousand cells mL-1 respectively.
No banco de dados do Laboratório de Fisiologia da Lactação da ESALQ - USP, Piracicaba, SP, foi realizado um levantamento da contagem de células somáticas (CCS) de amostras de leite de tanques coletadas entre dezembro de 1996 a julho de 1998, com o objetivo de se caracterizar a situação atual da sanidade da glândula mamária dos rebanhos. Os 7941 dados foram analisados através de estatística descritiva. A média de CCS foi 641 mil cél. mL-1, sendo 767 mil cél. mL-1 o desvio padrão. Os dados de CCS foram transformados para log2 CCS e reanalizados. A nova média foi de 307 mil cél. mL-1, sendo que este valor representa melhor a média de CCS dos rebanhos, devido à característica exponencial da população de dados obtida. Os rebanhos foram distribuídos em classes de CCS. Foram encontradas as seguintes porcentagens da população: 26, 53, 71, 83, 89 e 93% com CCS abaixo de 250, 500, 750, 1000, 1250 e 1500 mil cél. mL-1 respectivamente. Os quartis das amostras analisada foram 25, 50, 75, 90, 95, 99 e 100% apresentando 244, 468, 815, 1302, 1797, 4099, 9223 mil cél. mL-1 respectivamente.
Biblioteca responsável: BR68.1