Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Nickel biosorption by Acinetobacter baumannii and Pseudomonas aeruginosa isolated from industrial wastewater

E. Rodríguez, Carlos; Quesada, Adolfo.
Braz. J. Microbiol.; 37(4)2006.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-444018

Resumo

Nickel biosorption ability was evaluated in two bacterial strains: Acinetobacter baumannii UCR-2971 and Pseudomonas aeruginosa UCR-2957, resulting in greatest adsorption at pH 4.5 and a residence time of 100 minutes. Biosorption isotherms showed that the process follows the Langmuir model. The maximum adsorption rates (Nmax) were 8.8 and 5.7 mg·g-1 for A. baumannii and P. aeruginosa, respectively; however, affinity constants suggest that P. aeruginosa (K=1.28) has higher affinity for nickel than A. baumannii (K=0.68). It is suggested that both strains could be used for wastewater treatment, as long as the concentration of Ni2+ is within the range of mg·L-1.
Foi avaliada a capacidade de adsorção do Ni2+ por duas bactérias, Acinetobacter baumannii e Pseudomonas aeruginosa, em pH 4.5 com tempo de contato de 100 minutos. Isotermas de adsorção foram calculadas com as duas linhagens. Observou-se que, para ambas, o processo de adsorção está de acordo com o modelo fisicoquímico de Langmuir. A captação máxima do Ni2+ (Nmax) foi 5.7 e 8.8 mg Ni2+ g-1 para P. aeruginosa e A. baumannii, respectivamente. Não obstante, P. aeruginosa apresenta uma constante de afinidade (K=1.28) maior que A. baumannii (K=0.68). Estes resultados indicam que ambas as linhagens são adequadas para o tratamento de águas contaminadas, desde que a concentração de níquel seja da ordem de mg·L-1.
Biblioteca responsável: BR68.1