Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Qualidade de ovos de poedeiras semipesadas armazenados em diferentes temperaturas e períodos de estocagem / / Quality of eggs of lay hens stored at different temperature and storage conditions

Garcia, Elis Regina de Moraes; Orlandi, Camila Cristina Barbosa; Oliveira, Carlos Antonio Lopes de; Cruz, Flavia Klezscz da; Santos, Tânia Mara Baptista dos; Otutumi, Luciana Kazue.
R. bras. Saúde Prod. Anim.; 11(2): 505-518, 2010. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-4454

Resumo

Objetivou-se avaliar o efeito da temperatura de conservação e do período de estocagem sobre a qualidade interna de ovos de poedeiras semipesadas de diferentes idades. Utilizaramse 1200 ovos de um mesmo lote de poedeiras comerciais da linhagem Hisex Brown, coletados em duas idades: 26 e 55 semanas de idade. As análises foram efetuadas nos ovos frescos e aos quatro, oito, 12 e 16 dias de armazenamento em diferentes sistemas de conservação (ambiente natural e ambiente refrigerado). Para cada idade, adotou-se um delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 5 (temperatura de conservação x período de estocagem). As variáveis analisadas foram: peso do ovo, pH do albúmen e da gema, unidade Haugh, índice de gema, porcentagens de albúmen, gema e casca e porcentagens de sólidos totais (matéria seca) do albúmen e da gema. Os dados foram submetidos à análise de variância, e os graus de liberdade referentes ao período de estocagem foram desdobrados em polinômios ortogonais por meio do programa computacional Statistical Analysis System (SAS). Houve efeito dos tratamentos para a maioria das variáveis estudadas, independente da idade das aves, com exceção para peso do ovo de aves mais velhas e a porcentagem de sólidos totais do albúmen e gema de ovos de poedeiras jovens. Conclui-se que o aumento do período de estocagem prejudica a qualidade interna dos ovos de poedeiras semipesadas jovens ou velhas, independente do sistema de conservação. Contudo, o prejuízo é minimizado quando os ovos são refrigerados.(AU)
The aim of this work was to determine the effect of conservation temperature and storage period in the internal quality of eggs from semi-heavy laying hens with different ages. There were utilized 1200 eggs from commercial laying hens Hisex Brown with 26 and 55 weeks. The samples were analyzed in fresh eggs and four, eight, 12 e 16 days of storage and different conservation systems (natural environment and refrigerated). For each age adopted in a completely randomized design, it was followed a factorial scheme 2 x 5 (temperature of conservation and storage period). The variables analyzed were: egg weight, pH of the albume and of the yolk, haugh unit, yolk index, albume, yolk, and shell percentage and total solids percentage (dry matter) of the albume and yolk. Data were submitted to the analysis of variance and the degree of freedom concerning to storage period were decomposed in orthogonal polynomials by computational program Statistical Analysis System (SAS). There were treatment effects to the most of studied variables, independent of the bird ages, except to the egg weight from oldest hens and total solids percentage of the albume and yolk of the eggs from young layers. It was concluded that the increase in the storage period affects the internal quality of eggs from semiheavy laying hens, young or old one, independent of the conservation system used. However, the effect is minimized when eggs are refrigerated. (AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1