Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Study of corpus callosum in experimental hydrocephalic wistar rats

da Silva Lopes, Luiza; Rubens Machado, Hélio; Lachat, João-José.
Acta cir. bras.; 182003.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-448566

Resumo

PURPOSE: Hydrocephalus causes countless cerebral damages, especially on the structures around the ventricles. Hydrocephalic children present deficiencies in the nonverbal skills more than in the verbal skills, and not always revertible with an early treatment. As the corpus callosum has an important role in the nonverbal acquisition it is possible that the injuries in this structure are responsible for the cognitive dysfunctions of these children. This present study tries to establish the alterations caused by hydrocephalus on the corpus callosum of developing Wistar rats, induced by intracisternal injection of kaolin. METHODS : Seven, fourteen and twenty one days after the injection, the animals were killed, and the corpus callosum was dissected and prepared for the study of the axonal fibers. RESULTS AND CONCLUSION: The seven-day old rats in hydrocephalus development presented a delay in myelination in relation to the control rats. With the fourteen-day old rats in hydrocephalus development the corpus callosum showed a recovery of myelin, but with the twenty one-day old rats in hydrocephalus development the axonal fibers were damaged and reduced in number.
OBJETIVO: A hidrocefalia causa inúmeros danos cerebrais, especialmente nas estruturas ao redor dos ventrículos cerebrais. As crianças com hidrocefalia apresentam déficits nas aquisições não verbais mais do que nas verbais, nem sempre revertidos com o tratamento precoce. Como o corpo caloso tem um papel essencial nas aquisições não verbais, é provável que as lesões nesta estrutura estejam envolvidas com as disfunções cognitivas dessas crianças. Este trabalho procura estabelecer as alterações causadas pela hidrocefalia, induzida pela injeção de caulim intracisternal ao corpo caloso de ratos Wistar em desenvolvimento. MÉTODOS: Sete, 14 e 21 dias após a injeção, os animais foram sacrificados, sendo o corpo caloso dissecado e processado para estudo das fibras axonais. RESULTADOS E CONCLUSÕES: Os ratos com 7 dias de evolução da hidrocefalia apresentaram um atraso na mielinização em relação aos controles. Em ratos com 14 dias de evolução da hidrocefalia, o corpo caloso mostrou recuperação da mielina, mas em ratos com hidrocefalia com 21 dias de evolução, as fibras apresentavam-se lesadas e reduzidas em número.
Biblioteca responsável: BR68.1