Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Qualidade microbiológica de dieta enteral em ambiente hospitalar / Microbiological quality of enteral nutrition in hospitals

Milagres, Regina Célia Rodrigues Miranda; Coelho, Ana Íris Mendes; Nunes, Lélia Cápua; Silva, Fernanda Chaves da; Martins, Joice de Fátima Laureano; Martins, Aurélia Dornelas de Oliveira; Melo, Alessandra Gonçalves de.
Hig. alim.; 22(161): 107-111, maio 2008. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-45307

Resumo

A dieta enteral constitui uma das principais causas de infecção hospitalar, constituindo um importante veículo de contaminação microbiana. Foram analisadas dezoito amostras de dietas enterais líquidas, em unidade hospitalar, sendo seis amostras obtidas diretamente da embalagem original (Tetra Pak), seis adicionadas de água e seis com adição de suplemento (albumina e fibra solúvel). As amostras foram estudadas quanto à presença de diferentes patógenos. Nenhuma amostra avaliada revelou a presença de Escherichia coli. No entanto, a presença de Salmonella foi detectada em 67 por cento das amostras de dieta adicionada de suplementos e 17 por cento das amostras de dieta adicionada de água. A contaminação por Staphylococcus aureus foi evidenciada em 33 por cento da amostras de dieta pura e de dieta adicionada de água e em 17 por cento das amostras de dieta adicionada de suplementos. A contaminação por Coliformes totais foi evidenciada em 33 por cento das amostras de dieta adicionada de suplementos e em 17 por cento da dieta adicionada de água. Níveis não significativos de Bacillus cereus foram encontrados tanto na dieta pura quanto na adicionada de suplemento. Os resultados observados sugerem que medidas de controle higiênico-sanitárias na manipulação das dietas enterais sejam priorizados em unidades hospitalares, a fim de aumentar a segurança alimentar dos pacientes.(AU)
Enteral diet constitutes of the principal causes of hospitalar infection constituting an important vehicle of microbial contamination. Eighteen samples of liquid enteral diets were analyzed in hospitalar, six samples obtained directly of the original packing (Tetra Pak), six enteral diet added of water and six enteral diet added of supplement (albumin and soluble fiber). The samples were analyzed with relationship to the presence of pathogens different. None samples reveal the presence of Escherichia coli. However, the presence of Salmonella was detected in. 67% of the samples of diet added of supplements and 17% of the samples of diet added of water. The contamination for Staphylacaccus aureus was evidenced in. 33% of the pure diet and 33% of diet added of water and in 17% of the diet added f supplements. The contamination for total coliforms was evidenced in 33% of the diet added of, supplements and in 17% of the diet added of water. Levels non significant of Bacillus cereus were found in the pure diet and in the diet with addition of supplements. The observed results suggest that hygienic-sanitary control measures in the manipulation of the enteral diets are prioritired in hospitais, in order to increase the patients' alimentary safety. (AU)
Biblioteca responsável: BR526.1
Localização: BR68.1