Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Leptospirosis in Pará and Amapá, Brazil / Leptospiroses no Estado do Pará e Território Federal do Amapá

Costa, Carlos; Rezende, Manoel; Lins, Zéa.
R. Inst. Adolfo Lutz; 29: 1-4, 1969.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-453360

Resumo

Human leptospirosis was confirmed in the city of Belém, Pará State, Brazil. Eight cases were diagnosed, six due to L. icterohaemorrhagiae, one to L. canicola and one to L.  australis A. Two fatal cases due to infection with L. icterohaemorrhagiae were recorded. Serological examination of sylvatic animals gave negative results for thirtyfour birds. Antibodies to L. panama were detected in a single specimen of Proechimys sp, and to L. tarassovi in a single specimen of Phylander opossum in a total of ten rodents and seventeen marsupial examined. Studies on eleven primatas revealed the presence of soro-agglutinins to L. tarassavi in Cebus sp., L. grippotyphosa in Simiri sp. and L. djasimani in Sanguinus midas.
Foi confirmada a existência de leptospirose humana em Belém do Pará, com oito casos diagnosticados, seis dos quais produzida por Leptospira icterohaemorrhagiae, um por L. canicola e outro por L. autralis A. Dois casos fatais por L. icterohaemorrhagiae foram assinalados. Pesquisas sorológicas realizadas em animais silvestres resultaram negativas para trinta e quatro pássaros examinados. Foram encontrados resultados positivos, para L. panama em um exemplar de Proechimis sp., e para L. tarassovi em um espécimen de Philander opossum entre dez roedores e dezessete marsupiais estudados respectivamente. Onze primatas foram igualmente investigados, sendo detectadas aglutininas antileptospira em Cebus sp. (L. tarassovi); Saimiri sp. (L. grippotyphosa) e Saguinus midas (L.djasimani).
Biblioteca responsável: BR68.1