Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Efeito do extrato aquoso de própolis marrom sobre a produção de IFN- Após imunização contra parvovírus canino (CPV) e coronavírus canino (CCoV) / Effect of water extract from brown propolis on production of IFN- After immunization against canine parvovirus (CPV) and canine coronavirus (CCoV)

Fernandes, Maureen Hoch Vieira; Ferreira, Lilian das Neves; Vargas, Gilberto D'Avila; Fischer, Geferson; Hübner, Silvia de Oliveira.
Ci. Anim. bras.; 16(2): 235-242, Abr-Jun. 2015. ilus, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-460767

Resumo

The purpose of this study was to evaluate the imunnostimulatory adjuvant capacity of water extract from brown propolis (WEBP) when added to a vaccine against canine parvovirus (CPV) and canine coronavirus (CCoV), regarding the production of IFN-?. Mice were vaccinated with CPV and CCoV (3.0 x 106 TCID50) with or without 400 µg/dose of WEBP. Thirty days after the third dose, splenocytes were cultured to measure the expression levels of IFN-? mRNA in the immunized animals. Increased levels of IFN-? mRNA expression for CCoV were evidenced by RT-PCR, in the splenocytes of mice inoculated with the vaccine containing 400 ?g/dose of WEBP, demonstrating the ability of propolis to stimulate cellular immune responses against the antigens of this virus. In contrast, the levels of IFN-? to CPV were not influenced by the presence of WEBP.(AU)
O objetivo deste estudo foi avaliar a capacidade adjuvante imunoestimulatória do extrato aquoso de própolis marrom (EAPM) quando associado a uma vacina contra parvovírus canino (CPV) e coronavírus canino (CCoV), com relação à produção de IFN-?. Camundongos foram vacinados com CPV e CCoV (3,0x106 TCDI50) em associação ou não com 400 ?g/dose de EAPM. Trinta dias após a terceira dose foi realizado cultivo de esplenócitos para mensuração dos níveis de expressão de mRNA para IFN-? nos animais imunizados. O aumento nos níveis de expressão de mRNA para IFN-? para CCoV nos esplenócitos dos camundongos inoculados com a vacina contendo 400 ?g/dose de EAPM foi evidenciado por RT-PCR, demonstrando a capacidade da própolis em estimular a resposta imune celular contra os antígenos desse vírus. Ao contrário, os níveis de IFN-? para CPV não sofreram influência da presença do EAPM.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1