Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Economic feasibility of four grazing intensities of Tanzania grass for beef cattle / Viabilidade econômica de quatro intensidades de pastejo do capim Tanzânia na pecuária de corte

Pavezzi Barbero, Rondineli; Aurélio Alves de Freitas Barbosa, Marco; Maria de Castro, Letícia; Luis de Azambuja Ribeiro, Edson; Yurika Mizubuti, Ivone; das Dores Ferreira da Silva, Leandro; Harry Bumbieris Júnior, Valter; Paula de Souza Fortaleza, Ana.
Semina Ci. agr.; 33(6): 3295-3304, 2012.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-471528

Resumo

 Were evaluated the economic effects of four grazing heights (20, 40, 60 and 80 cm) of Tanzânia grass for beef cattle. The total area was 12 acres divided into paddocks of one hectare, with three replications. We used three animals, males, Nelore per paddock, as more animals need additional adjustment to the height you want. The reduction in sward height allowed higher stocking rate, which, even with a reduction in individual performance, there was more beef production per area. The interest rate on capital given the property represented the largest share in the final cost of production. The participation of fixed variables showed a positive linear function of the increase in height from grazing, showing significant reduction of the production scale. A reduction in cost of production per hectare per year with increasing grazing height. No differences were found in certain economic indicators, and the four systems remunerate the capital invested.
Foram avaliados os efeitos econômicos de quatro alturas de pastejo (20; 40; 60 e 80 cm) do capim Tanzânia para bovinos de corte. A área total foi de 12 hectares divididos em piquetes de um hectare, com três repetições. Foram utilizados três bovinos, machos, Nelore por piquete, mais animais adicionais conforme necessidade de ajuste para as alturas pretendidas. A redução da altura do pasto permitiu maior taxa de lotação, onde, mesmo com redução no desempenho individual, houve maior produção por área. A taxa de juros atribuída sobre o capital do imóvel representou a maior parcela no custo final de produção. A participação das variáveis fixas apresentou comportamento linear positivo em função do aumento na altura dos pastos, se mostrando sensível à redução da escala de produção. Houve redução do custo de produção anual por hectare com aumento da altura de pastejo. Não foram detectadas diferenças nos indicadores econômicos determinados, e os quatro sistemas remuneraram o capital investido.
Biblioteca responsável: BR68.1