Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Dry matter and plant nutrition of upland rice under water deficit and silicon fertilization / Produção de massa seca e nutrição de cultivares de arroz de terras altas sob condição de déficit hídrico e adubação silicatada

Mauad, Munir; Alexandre Costa Crusciol, Carlos; Grassi Filho, Helio.
Semina Ci. agr.; 32(3): 939-948, 2011.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-471679

Resumo

Although silicon has not been considered an essential element for plant growth and development, it has provided several benefits for the rice crop, especially under biotic and abiotic stress. The objective of this work was to evaluate macronutrient and silicon levels in upland rice cultivars cropped under water deficit and silicon fertilization. The experiment was carried out in greenhouse and the design was the completely randomized block, analyzed as a 2 x 2 x 2 factorial, which consisted of two cultivars, Maravilha (modern group) and Caiapó (traditional group), two silicon rates (0 and 350 kg ha-1) and two soil water tensions (-0.025 MPa and -0.050 MPa). Plant dry matter of the Maravilha cultivar was higher compared to the other material. Higher soil water tensions decreased plant dry matter and macronutrient levels. Upland rice cultivars respond distinctively to soil water tensions and silicon rates. 
Embora não seja considerado elemento essencial para o crescimento e desenvolvimento das plantas, o silício tem proporcionado diversos efeitos benéficos para cultura do arroz, em especial sob condições de estresse biótico e abiótico. O objetivo deste trabalho foi avaliar os teores de macronutrientes e de silício, em cultivares de arroz de terras altas sob condição de déficit hídrico e adubação silicatada. O experimento foi desenvolvido em casa de vegetação, em delineamento em blocos casualizados, em esquema fatorial 2 x 2 x 2, com duas cultivares: Maravilha (grupo moderno), e Caiapó (grupo tradicional), duas doses de silício (0 e 350 kg ha-1) e duas tensão de água no solo (-0,025 MPa e -0,050 MPa). A cultivar Maravilha produziu maior quantidade de massa seca do que a cultivar Caiapó. O aumento da tensão de água reduziu a produção de massa seca e os teores de macronutrientes nas plantas de arroz Os cultivares de arroz apresentam resposta diferentes a tensão de água no solo e adubação silicatada quanto ao teor de silício.
Biblioteca responsável: BR68.1