Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Cover crops under different sources of phosphorus in different soils / Plantas de cobertura submetidas a diferentes fontes de fósforo em solos distintos

Oliveira Silva, Tácio; Eduardo Furtini Neto, Antônio; Flávio Carneiro, Leandro; Paludo, Vinitius.
Semina Ci. agr.; 32(4): 1315-1326, 2011.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-473209

Resumo

This work aimed to evaluate biomass production and phosphorus uptake by cover crops growing in two different soil types fertilized with two different sources of phosphorus. The experiment was carried out under greenhouse condition, at the Department of Soil Science, Federal University of Lavras. The experimental set up was a completely randomized design, in a 5 x 2 x 2 factorial scheme, testing five cover crops (Brachiaria decumbens, Brachiaria brizantha cv. Marandu, Panicum maximum cv. Tanzania, Avena strigosa oat cv. Common and Lupinus albus L. - lupine cv . Common), two P fertilizers (triple superphosphate - ST and rock phosphate araxá - FA), and two soil types (Oxisol - LVdf and Entisol - RQo), with four replications. Doses of phosphate used were 90 and 50 mg.dm-3 of P, based on the total P2O5 in LVdf and RQo, respectively. Plants were harvested 70 days after seedling emergence. In both soils, shoot and root biomass was higher in the ST treatment than in FNA treatment. This was probably due to the higher P accumulation in the plants. Satisfactory vegetative cover was observed when oat was cultivated using ST as a P source. For lupine, best results were obtained using FA as a P source.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a biomassa e absorção de fósforo por espécies vegetais de cobertura submetidas a fontes de fósforo em solos distintos. O experimento foi realizado em casa de vegetação no Departamento de Ciência do Solo da Universidade Federal de Lavras. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 5 x 2 x 2, sendo cinco forrageiras (Brachiaria decumbens, Brachiaria brizantha cv. Marandu, Panicum maximum cv. Tanzânia, Avena strigosa - aveia preta cv. Comum e Lupinus albus L.- tremoço cv. Comum), duas fontes de fósforo (superfosfato triplo - ST e fosfato natural de araxá FNA) e dois tipos de solos (LATOSSOLO VERMELHO Distroférrico LVdf e NEOSSOLO QUARTZARÊNICO RQo), com quatro repetições. As doses de fosfatos utilizadas foram 90 e 50 mg.dm-3 de P, baseado no P2O5 total, respectivamente no LVdf e no RQo. A colheita foi realizada aos 70 dias após a emergência das plântulas. O ST proporcionou maior valor de matéria seca da parte aérea, das raízes e acúmulo de P e índice de utilização de P pelas plantas de cobertura nos solos estudados. A aveia preta, com aplicação de ST e o tremoço com o FNA mostraram-se promissores na produção de cobertura vegetal e ciclagem de fósforo.
Biblioteca responsável: BR68.1