Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Imunidade passiva, ingestão de colostro e mortalidade em cabritos Moxotó criados em sistemas extensivo e intensivo / Passive immunity, colostrum ingestion, and mortality of Moxotó kids raised under extensive and intensive breeding systems

Soares, C. M; Simões, S. V. D; Medeiros, J. M. A; Riet-Correa, F; Pereira Filho, J. M.
Arq. bras. med. vet. zootec; 62(3): 544-548, jun. 2010. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-5843

Resumo

Dosou-se a proteína sérica total para avaliar a aquisição de imunidade passiva em cabritos Moxotó. Para tal, formaram-se quatro grupos experimentais, sendo dois sistemas de criação, extensivo e intensivo, e dois manejos de colostro, ingestão natural e artificial. Tanto no sistema intensivo quanto no extensivo, os teores de proteína no soro foram significativamente mais altos nos animais com ingestão natural de colostro, 7,11±0,2g/dL, do que nos com ingestão artificial, 6,35±0,17g/dL. Independentemente da forma de ingestão de colostro, os cabritos do sistema intensivo tiveram teores de proteína sérica total, 7,21±0,19g/dL, mais elevados que os do sistema extensivo, 6,25±0,18g/dL, no entanto a imunidade passiva foi satisfatória nos dois grupos de animais. Ocorreu alta mortalidade de crias no sistema extensivo, 37 por cento, devido ao complexo hipotermia/inanição em decorrência dos baixos níveis de colostro ingeridos. No sistema intensivo de criação não ocorreu mortalidade de cabritos. A produção de colostro das cabras criadas intensivamente, 163,5±14,71mL, foi mais alta que das cabras criadas extensivamente, 53,75±19,12mL. O peso total dos cabritos foi semelhante nos dois sistemas de criação, 2881±252,78g no sistema extensivo, e 2297±194,59g no sistema intensivo. Conclui-se que a ingestão de colostro nos dois sistemas de produção permitiu adequada aquisição de imunidade em cabritos, porém o sistema extensivo determinou severa deficiência nutricional nas mães, com baixa produção de colostro e graves perdas de neonatos.(AU)
The acquisition of passive immunity in Moxotó kids was determined by dosages of total serum proteins. Four experimental groups were formed in two breeding systems - extensive and intensive - and two managements of colostrum intake - suckling from the mother or supplying in bottles. In both breeding systems, the serum protein levels were significantly higher in kids with natural ingestion of colostrum, 7.11±0.2g/dL, than in kids with artificial ingestion, 6.35±0.17g/dL. The kids of the intensive system had levels of total serum protein of 7.21±0.19 g/dL which was higher than the one of the extensive breeding system, 6.25±0.18g/dL. However, the passive immunity was satisfactory in all groups. There was high mortality of kids, 37 percent, due to starvation/hypothermia, in the extensive breeding system. This mortality was apparently due to the low levels of colostrum ingestion, 55.83±8.7mL. The production of colostrum by does from intensive breeding sistem, 163.5±14.71mL, was significantly higher than those from extensive breeding system, 53.75±19.12mL. The total weight of the kids born in the extensive breeding system, 2,881±252.78g, was similar to those born in the intensive breeding system, 2,297±194.59g. The colostrum ingestion allowed appropriate immunity acquisition by kid raised under both systems. However, the extensive breeding system determined a severe nutritional deficiency in the does with low colostrum production and high neonatal losses.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1