Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Infecção experimental por Salmonella enterica subespécie enterica sorotipo Panama e tentativa de transmissão nasonasal em leitões desmamados / Experimental infection by Salmonella enterica ssp. enterica serovar Panama and tentative of nose-to-nose transmission in weaned pigs

Oliveira, L. G; Carvalho, L. F. O. S; Masson, G. C. I. H; Feliciano, M. A. R.
Arq. bras. med. vet. zootec; 62(6): 1340-1347, dez. 2010. ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-6032

Resumo

O objetivo deste experimento foi produzir uma infecção experimental de Salmonella enterica subespécie. enterica sorotipo Panama e verificar a importância da via nasonasal na transmissão entre leitões desmamados. Foram utilizados seis leitões recém-desmamados, adquiridos de granja livre de Salmonella spp. Utilizaram-se baias isoladoras, que proporcionavam o contato nasonasal e eliminavam a possibilidade de outras vias de transmissão e de contaminação externa. Três grupos foram formados: controle, sentinela e infectado. Não foram encontradas amostras positivas para Salmonella spp. em leitões do grupo-controle e sentinelas, e nos animais infectados foi isolada Salmonella Panama em suabes retais e tecidos necropsiados. Os resultados revelaram não haver a transmissão pela via nasonasal entre leitões desmamados, pois, em nenhum momento, o agente foi isolado dos animais sentinelas.(AU)
Experimental infection of Salmonella enterica ssp. enterica serovars Panama was proceeded to establish the importance of nose-to-nose contact in the transmission among weaned pigs. Six recently-weaned pigs were acquired from a farm previously selected, free from Salmonella spp. Isolation stalls allowing nose-to-nose contact and eliminating other transmission routes as well outside contamination were used. Three groups were formed: control, sentinel, and infected. Piglets of control and sentinel groups were not positive for Salmonella spp., however, Salmonella Panama was isolated in infected animals in rectal swabs and necropsied tissues. It was concluded that there was not transmission by nose-to-nose contact among weaned pigs, since Samonella Panama was not isolated in the sentinel group at any moment.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1