Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Rickettsia felis (Rickettsiales: Rickettsiaceae) in Ctenocephalides felis felis (Siphonaptera: Pulicidae) in the State of São Paulo, Brazil / Rickettsia felis (Rickettsiales: Rickettsiaceae) em Ctenocephalides felis felis (Siphonaptera: Pulicidae) no estado de São Paulo

Horta, M. C; Pinter, A; Cortez, A; Soares, R. M; Gennari, S. M; Schumaker, T. T. S; Labruna, M. B.
Arq. bras. med. vet. zootec; 57(3): 321-325, June 2005. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-6358

Resumo

Samples of 10 and 14 Ctenocephalides felis felis fleas were collected on dogs from Pedreira and Mogi das Cruzes municipalities, respectively, in the State of São Paulo, Brazil, for detection of Rickettsia spp. Individual fleas were submitted to Polymerase Chain Reaction targeting the 17-kDa and the 190-kDa (OmpA) genes of Rickettsiae. This later gene is specific for spotted fever group. Nine fleas from Pedreira (90%) and four fleas from Mogi das Cruzes (28%) were positive for the 17-kDa gene, and eight fleas from Pedreira (80%) and four from Mogi das Cruzes (28%) were positive for 190-kDa gene. The nucleotide sequence of the 190-kDa products of one flea from Pedreira and one flea from Mogi das Cruzes were 100% identical to each other, and when compared to the GenBank Data, they were 100% identical to the 190-kDa sequence of R. felis. This was the first report of its occurrence in the State of São Paulo.(AU)
Amostras de 10 e 14 pulgas Ctenocephalides felis felis foram coletadas de cães nos municípios de Pedreira e Mogi das Cruzes, respectivamente, no estado de São Paulo, para pesquisa de Rickettsia spp. As pulgas foram individualmente submetidas à reação em cadeia pela polimerase, tendo como alvo os genes 17-kDa e 190-kDa (OmpA) de Rickettsia, sendo esse último específico para o GFM. Nove pulgas de Pedreira (90%) e quatro pulgas de Mogi das Cruzes (28%) foram positivas para o gene 17-kDa, e oito pulgas de Pedreira (80%) e quatro de Mogi das Cruzes (28%) foram positivas para o gene 190-kDa. As seqüências de nucleotídeos do gene 190-kDa de uma pulga de Pedreira e de uma pulga de Mogi das Cruzes foram 100% idênticas; quando comparadas com dados existentes no GenBank, foram 100% idênticas com a seqüência parcial do gene 190-kDa de Rickettsia felis. Esse foi o primeiro relato de sua ocorrência no estado de São Paulo.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1