Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Controle microbiológico de alimentos utilizando óleo essencial de Pimpinella anisum (erva-doce) / Food microbiological control using essential oil of Pimpinella anisum

Freire, Juliana Mesquita; Cardoso, Maria das Graças; Batista, Luís Roberto; Andrade, Milene Aparecida; Lima, Rafaela Karin.
Hig. aliment; 25(196/197): 154-158, maio-jun. 2011. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-677

Resumo

O consumo de produtos naturais que substituam aditivos químicos tem sido uma opção para aqueles que procuram hábitos saudáveis e segurança alimentar. Os condimentos possuem comprovada atividade biológica sobre fungos e bactérias. Por isso, sempre foram utilizados como conservantes de alimentos. Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito “in vitro” do óleo essencial de erva-doce (Pimpinella anisum), sobre as bactérias Staphylococcus aureus e Escherichia coli e sobre os fungos Aspergillus flavus e Aspergillus parasiticus. O óleo essencial foi extraído pela técnica hidrodestilação utilizando aparelho de Clevenger modificado e testado nas concentrações de 50; 40; 30; 20; 10; 5; 1; 0,5 e 0.1% para as bactérias e nas concentrações de 2; 1; 0,5; 0;25 e 0,1 µL/mL para fungos. O óleo apresentou uma elevada atividade bacteriana com uma concentração mínima inibitória (CMI) de 1% para a E.coli, porém não apresentou atividade frente a S. aureus. Os valores de CMI encontrados para o A. flavus e A. parasiticus foram de 0,5 e 2 µL/mL, respectivamente. Verificou-se que o óleo essencial apresentou efeito inibitório sobre os micro-organismos estudados, sendo, portanto, uma alternativa no controle microbiológico de alimentos.(AU)
The consumption of natural products that replace chemical additives have been an option for those seeking healthy habits and food safety. The spices have demonstrated biological activity on fungi and bacteria, therefore, always been used as preservatives in food. This objective of this work to evaluate the in vitro effect of essential oil of anise (Pimpinella anis um) about the bacterias Staphylococcus aureus and Escherichia coli and about the fungis Aspergillus flavus and Aspergillus parasiticus. The essential oil was extracted by utilizing the vapor dragging technique and tested in the 50; 40; 30; 20; 10;5; 1; 0,5 e 0,1%for the bacterias and 2; 1; 0,5; 0,25 e 0,1 µmL for the fungis. The essencial oil showed a high antibacteriana activity with concentration minimum inhibitory (MIC) of 1% for E. coli but didn't show an antibacteriana activity for S. aureus. The MIC found of for A. flavus and A. parasiticus were 0,5 and 22 µmL,respectively. It was possible to verify that the oil has inhibitory effect over the microorganisms studied, being, therefore an alternative in microbiological control of food. (AU)
Biblioteca responsável: BR526.1
Localização: BR68.1