Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Aspectos limnológicos do lago Grande do Jutaí (Amazônia Central), face as alterações químicas do meio hídrico da região ()

de Menezes Santos, Umberto.
Acta amaz.; 10(4)1980.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-683828

Resumo

Summary Limnological conditions of Lago Grande do Jutai in Central Amazonia, are mainly determined by the Solimões River. The fluctuations of the river directly affect the lake, as the lake is connected with the river almost all year round. The water level varies annually from 9-10 m. From January to June the lake is filled with rain water and water from the river, the water level decreasing from July to December. These fluctuations in the water level are mainly responsible for the large physical, chemical and biological variations which occur in the lake's enviroment. Seasonal fluctuations, such as temperature stratification, oxigen conditions and salt contents, including the most important constituents of the lake, are clearly shown in the analyses which have been carried out. Maximum transparency is obtained when the water lake is on its peak. Low oxygen concentration due to stagnation (and therefore production of H2S and decrease in oxygen concentration), turbulence (causing the gas to raise up to the Epiliminieo region with consequent decrease in oxygen concentration), during the months of May. June, July, August and sometimes September (as occured in 1974), make these months the most critical for fish. The highest concentrations of CO2, nitrites, nitrates, ammonia, total nitrogen, iron and phosphorus are in the anoxic region. According to Schmidt (1973) and to own observations, conditions in the great lakes of Central Amazonia are better than in the small lakes due to the high concentration of oxigen in water. The major portion of the salts in the lake is of calcium bicarbonate, the largest concentrations being found during low water level. Although annually incorporated into the lake with inflow of water from the river, phosphorus is the most deficient of the elements important for the ichthyoflora and fauna. During "drought", i.e.. low water level homothermy occurs as a result of the hydric circulation in the lake.
Resumo As condições limnológicas no lago Grande do Jutaí, na Amazônia Central, são determinadas principalmente pelo rio Solimões. O lago é conectado com o rio durante quase todo o ano e suas flutuações, conseqüentemente, atingem diretamente o lago. As mudanças de nível de água, somam uma amplitude de 9 a 10 metros, anualmente. De janeiro/junho encontra-se cheio com água do rio e chuva, e de julho a dezembro, encontra-se rebaixado. Estas flutuações em seu nível, são as principais responsáveis pelas grandes variações físicas, químicas e biológicas ocorridas em seu meio. Os meses de maio, junho, julho, agosto e, às vezes setembro, como observamos no ano de 1974, são considerados críticos para os peixes, face às pequenas concentrações de oxigênio dissolvido. Estas baixas concentrações de oxigênio, são devidos a fenômenos de estagnação (favorecendo a formação de H2S e redução de oxigênio) ou de turbulência (ocasionando a elevação do gás até a região do Epilimineo e conseqüentemente, a redução do oxigênio). Dos elementos mais importantes para a ictio-flora e fauna, o fósforo foi o mais deficitário. Embora seja anualmente incorporado ao lago, pelo influxo da água do rio. O rio Solimões fertiliza os lagos durante a enchente e ao mesmo tempo, refertiliza-se. no período do rebaixamento com o retorno das águas, face a fenômenos de remineralização.
Biblioteca responsável: BR68.1