Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Intra-puparial development of Lucilia eximia (Diptera, Calliphoridae) / Desenvolvimento Intra-pupal de Lucilia eximia (Diptera: Calliphoridae)

Ramos-Pastrana, Yardany; Londoño, Carlos Andres; Wolff, Marta.
Acta amaz.; 47(1): 63-70, jan.-mar. 2017. ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-688352

Resumo

There are few studies about the intra-puparial development in Diptera, nonetheless its importance has been increased because several dipteran species are of forensic interest. Studies on the life cycles of flies often disregard the changes that occur inside the pupae. The objectives of this research were to analyze the intra-puparial development of Lucilia eximia, and to describe chronological and morphological changes that occur during this stage. Around 1.600 specimens were laboratory-reared. The pre-pupae were identified by the reduction of their size and change in coloration, and 10 individuals were sampled every three hours (n=1.000) until adult emergence. The specimens were fixed in 96% alcohol, subsequently immersed in Canoy solution for 24 hours and in formic acid (5%) for 48 hours, to facilitate dissection and analysis of the morphological changes of the individuals. Four stages of the intra-pupal development of L. eximia were observed: 1) Larva-pupa apolysis, which lasted 23 ± 1.08 h; 2) Cryptocephalic pupa, 5 ± 0.53 h; 3) Phanerocephalic pupa, 92 ± 1.94 h; and 4) Pharate adult: Transparents eyes, 125 ± 2.15 h; Yellow eyes, 23 ± 0.89 h; Pink eyes, 14 ± 0.73 h; and Red eyes, 20 ± 0.60 h. The pharate adult is completely formed after 296 hours and the emergence of the adult occurred after 302 ± 3.81 h. In addition, there were included the stage of pre-pupa, pupariation and the beginning of the adult stage, Imago and adult emergence. Each stage is described and compared with those described for Chrysomya albiceps (Calliphoridae).(AU)
No mundo existem poucos estudos sobre o desenvolvimento intrapupal de Diptera. Comumente, os estudos dos ciclos de vida das espécies de moscas são feitos eliminando o desenvolvimento embrionário que é muito importante, principalmente nas espécies de interesse forense. O principal objetivo foi o de analisar o desenvolvimento intrapupal de Lucilia eximia, descrevendo as mudanças morfológicas que ocorrem durante o desenvolvimento intrapupal. Foram analisados cerca de 1.600 espécimes cultivados em laboratório. Foram analisadas as fases de pré-pupa, pupa, o início da fase adulta, a imago e a emergência. Pré-pupas foram identificadas de acordo com a redução no tamanho e na alteração da coloração. Dez espécimes foram coletados a cada três horas (n=1.000), sem interrupção, até a emergência dos adultos. As pupas foram fixadas em etanol a 96%. Em seguida foram imersas em solução Carnoy por 24 horas e ácido fórmico a 5% por 48 horas para facilitar a dissecação e análises das alterações morfológicas. Foram determinados 4 estágios de desenvolvimento intrapupal. 1) Apólise larva-pupa com duração de 23 ± 1,08 h; 2) Pupa criptocefálica: 5 ± 0,53 h; 3) Pupa fanerocefálica: 92 ± 1,94 h e; 4) Adulto farado: olhos transparentes: 125 ± 2,15 h; olhos amarelos: 23 ± 0,89 h; olhos róseos: 14 ± 0,73 h e olhos vermelhos 20 ± 0,60 h. O adulto farado estava completo após 296 horas e a emergência dos adultos ocorreu com 302 ± 3,81 h. Cada fase foi descrita e comparada com o descrito para Chrysomya albiceps (Calliphoridae).(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1