Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Protein from Hevea brasiliensis Hev b 13 latex attenuates systemic inflammatory response and lung lesions in rats with sepsis

A. Araújo, L.; R. Melo-Reis, P.; Mrue, F.; M. Gomes, C.; A. P. Oliveira, M.; M. Silva, H.; M. Alves, M.; J. Silva-Júnior, N..
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-694492

Resumo

Abstract Sepsis induces a severe systemic inflammatory response that may result in multiple organ dysfunction and death. Studies using a protein derived from natural Hevea brasiliensis (rubber tree) latex, denominated Hev b 13, have demonstrated important anti-inflammatory effects, but no data have been published regarding its effects on sepsis. The aim of this study was to investigate the effects of Hev b 13 on the inflammatory response and lung lesions of septal rats. Male Wistar rats were submitted to cecal ligation and puncture (CLP), randomized into groups and treated with subcutaneously administered doses of 0.5/2.0/3.0 mg/Kg of Hev b 13. Next, animals were subdivided into three different points in time (1, 6 and 24 hours after treatments) for collection of blood samples and euthanasia accompanied by organ removal. Total and differential leukocyte counts, cytokine dosage and histological assessment were analyzed. Treatment with Hev b 13 resulted in a significant decline in total and differential leukocytes as well as suppression of TNF- and IL-6 production, associated with the increase in IL-10 and IL-4 in plasma and lung tissue. Moreover, it reduced morphological and pathological changes found in the lungs, including neutrophil infiltration, edema and alveolar thickening. The present study concluded that Hev b 13 exerts anti-inflammatory effects and attenuates lung lesions in septal rats, showing potential for clinical application.
Resumo Sepse induz uma resposta inflamatória sistêmica grave podendo resultar em disfunção de múltiplos órgãos e morte. Pesquisas utilizando uma proteína derivada do látex natural de Hevea brasiliensis (seringueira), denominada Hev b 13 tem demonstrado importantes efeitos anti-inflamatórios, mas nenhum dado foi publicado dos seus efeitos na sepse. O objetivo deste estudo foi investigar os efeitos da Hev b 13 na resposta inflamatória e na lesão pulmonar de ratos com sepse. Ratos machos da linhagem Wistar foram submetidos a ligação e perfuração do ceco (LPC), randomizados em grupos e tratados com as doses 0,5/2,0/3,0 mg/Kg de Hev b 13 subcutâneo. Após subdividiu-se os animais em três pontos diferentes de tempo (1, 6 e 24 horas após os tratamentos) para coleta de amostras sanguíneas e eutanásia com remoção dos órgãos. Contagem total e diferencial de leucócitos, dosagem de citocinas e avaliação histológica foram analisadas. O tratamento com a Hev b 13 resultou em diminuição significativa de leucócitos totais e diferenciais bem como suprimiu a produção de TNF- e IL-6, associado ao aumento de IL-10 e IL-4 no plasma e tecido pulmonar. Além disso, reduziu as alterações morfológicas e patológicas encontradas nos pulmões, incluindo infiltrado de neutrófilos, edema e espessamento alveolar. Este estudo concluiu que a Hev b 13 tem efeitos anti-inflamatórios e atenua lesões pulmonares em ratos com sepse, apresentando potencialidades para aplicabilidade clínica.
Biblioteca responsável: BR68.1