Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Intoxicação por lírio em um gato

Rita Lancini Stumpf, Ana; de Gaspari, Renata; Bertoletti, Bianca; Santos do Amaral, Anne; Krause, Alexandre.
Vet. Zoot.; 21(4): 527-532, 2014.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-699376

Resumo

O presente relato descreve um caso de intoxicação por lírio em um felino macho de 10 meses de idade, sem raça definida, atendido no Hospital Veterinário da Universidade Federal de Santa Maria. O felino apresentava disúria, oligúria, hematúria, vômito, desidratação, inapetência e paresia de membros pélvicos. No perfil bioquímico evidenciou-se azotemia e na urinálise glicosúria e proteinúria. O diagnóstico foi confirmado, instituiu-se terapia de suporte e o animal apresentou melhora depois de três dias. A correta anamnese, aliada à realização dos exames laboratoriais apropriados, bem como o conhecimento do médico veterinário a respeito das propriedades tóxicas de plantas ornamentais, são decisivas para a escolha do tratamento mais indicado para a intoxicação. Embora haja poucos relatos publicados no Brasil e dados estatísticos sejam escassos a respeito de intoxicações por determinadas famílias de plantas, é de vital importância que médicos veterinários e proprietários de animais tenham o conhecimento sobre o potencial tóxico das plantas dos gêneros Lilium e Hemerocallis.
Biblioteca responsável: BR68.1