Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Estudo comparativo entre pancurônio e vecurônio em cães submetidos à facectomia extracapsular

Renata Gaido Cortopassi, Silvia; Tabacchi Fantoni, Denise; de Mendonça Vaz Safatle, Angélica; Sergio de Moraes Barros, Paulo; Quinzani, Marcelo.
Ci. Rural; 27(4)1997.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-703303

Resumo

In this study the effects of pancuronium and vecuronium were compared in dogs submitted to lens extraction. Twenty four healthy male and female dogs, of different breeds, with 6.8 ± 2.0 years and mean weight of 10.0 ± 6.4 kilograms were used. All animals received acepromazine as the pre-anesthetic medication. Anesthesia was induced with midazolam and thiopentone and halothane was used as the maintenance agent in 100% oxygen with a circular system. After this animals were randomized in two groups: animals of group I received pancuronium and those from group II received vecuronium. Onset time evaluated by means of respiratory arrest as well as duration of action were verified by the moment spontaneous respiration reassumed and time to eye centralisation. Heart rate and rhythm, systolic, meand and diastolic blood pressure as well as hemoglobin saturation were measured before neuromuscular block administration and 1, 5, 10, 15 and 20 minutes after its administration. Data were submitted to statistical analyzes that consisted of analyzes of variance (ANOVA) for repeated measures fallowed by Tukey post test for the evaluation of the different moments in the same group and Student T test for the differences between the groups. The statistical analyses did not show any difference between treatments or between different moments in the group. Mean values and standard deviation of onset time for pancuronium and vecuroniun were 93.5 ± 38.9 and 80.8 ± 25.5 seconds respectively, that were considered adequate once hypoxemia did not occurr when controlled ventilation were instituted. Eye centralization occurred 31.4 ± 18.2 seconds after pancuronium and 39.8 ± 19.7 seconds after vecuronium and these values were statistically different. Duration of action of pancuratium was significantly longer than that werified for vecuroniun and this values were 33.6 ± 7.1 and 23.9 ± 6.3 minutes. Nevertheless both agents showed a reasonable duration of action and the surgical procedure could be performed unevetfully.
Neste estudo foram comparados os efeitos do pancurônio e do vecurônio em cães submetidos a facectomia extracapsular. Foram utilizados 24 cães hígidos, de diferentes sexos e raças, com idade média de 6,8 ± 2,0 anos e peso médio de 10,0 ± 6,4 quilos. Os animais receberan como medicação pré-anestésica acepromazina. A anestesia foi induzida através do uso de midazolam e tiopental, sendo a manutenção da anestesia realizada com halotano em oxigênio a 100% com auxílio de aprelho com sistema circular. Posteriormente a este protocolo, os animais foram distribuídos em dois grupos: grupo I onde imediatamente antes do início da cirurgia, receberam pancurônio e o grupo II onde no mesmo momento receberam vecurônio, sendo observados os períodos de latência através da paralisação respiratória e o hábil através da recuperação da respiração espontânea, assim como o período de centraliz\ação do globo ocular. Previamente a administração do bloqueador neuromuscular e aos 1, 5, 10, 15 e 20 minutos da sua aplicação foram avaliadas a freqüência e ritmo cardíaco, a pressão arterial sistólica, média e diastólica e a saturação periférica da hemoglobina, sendo os valores obtidos submetidos a análise estatística, não tendo sido observadas diferenças estatisticamente signifcativas entre os valores obtidos. Os valores médios e desvios-padrões dos períodos de latência do pancurônio e do vecurônio foram respectivamente 93,5 ± 38,9 e 80,8 ± 25,5 segundos, considerados adequados, uma vez que possibilitam a rápida instituição da ventilação controlada sem que ocorresse hipoxemia. A centralização do globo ocular foi obtida em 31,4 ± 18,2 segundos com pancurônio e 39,8 ± 19,7 segundos com vecurônio, apresentando estes resultados difirença estatisticamente significativa. O período hábil do pancurônio foi significativamente maior que o do vecurônio (respectivamente 33,6 ± 7.1 e 23,9 ± 6,3 minutos), porém os dois agentes possuem duração suficiente para a realização do procedimento cirúrgico em questão.
Biblioteca responsável: BR68.1