Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

SILAGENS DE GIRASSOL (Helianthus annus L.), MILHO (Zea mays L.) E SORGO (Sorghum bicolor (L.) Moench) PARA OVELHAS EM CONFINAMENTO

Luis de Azambuja Ribeiro, Edson; Antonio da Rocha, Marco; Yurika Mizubuti, Ivone; das Dores Ferreira da Silva, Leandro.
Ci. Rural; 32(2)2002.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-703978

Resumo

The objective of this paper was to evaluate the performance of ewes receiving corn, sorghum or sunflower silages. Half of the dry matter diet came from the silages and the other half from a concentrate, 25% of soybean meal and 75% of ground corn. Forty-seven ewes were used and confined during a period of 70 days. Ewes receiving sunflower silage had a greater (P 0.01) daily weight gain (0.263kg) than ewes receiving corn (0.175kg) or sorghum (0.171kg) silages. Feed consumption, as a percentage of the body weight (BW) or per unit of metabolic body weight (BW0.75), were greater (P 0.01) for ewes receiving corn silage, intermediate for ewes receiving sunflower silage and lower for ewes receiving sorghum silage. Feed conversion were 7.96, 6.14 and 7.26 (P>0.05), respectively, for ewes receiving corn, sunflower and sorghum silages. Ewes fed sunflower silage showed greater percentage of hot carcass (53.14%) than the ewes fed sorghum (48.13%) or corn (46.36%) silages. It can be concluded that the sunflower silage is better than corn and sorghum silages for termination of feedlot sheep.
Este trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho de ovelhas recebendo silagens de milho, sorgo e girassol. Metade da matéria seca da dieta foi fornecida pelas silagens e a outra metade por uma mistura de 25% de farelo de soja e 75% de milho grão. Foram utilizadas 47 ovelhas confinadas por um período de 70 dias. As ovelhas que receberam silagem de girassol ganharam mais (P 0,01) peso diariamente (0,263kg) do que as que receberam silagens de milho (0,175kg) ou sorgo (0,171kg). Os consumos de alimento, tanto como percentagem do peso vivo, quanto por unidade de tamanho metabólico, diferiram entre os tratamentos (P 0,01), sendo maiores pelos animais tratados com silagem de milho, intermediário com silagem de girassol e menores com aqueles com silagem de sorgo. As conversões alimentares foram de 7,96; 7,26 e 6,14 (P>0,05), respectivamente, para ovelhas recebendo silagens de milho, sorgo e girassol. As ovelhas alimentadas com silagem de girassol apresentaram maior percentagem de carcaça quente (53,14%) do que aquelas com silagem de sorgo (48,13%) ou com silagem de milho (46,36%). Portanto, a silagem de girassol é superior às silagens de milho e sorgo na terminação de ovinos confinados.
Biblioteca responsável: BR68.1