Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Bioecologia de Dermatobia hominis (Linnaeus Jr., 1781) em Palotina, Paraná, Brasil

Benghi Pinto, Simone; Thomaz Soccol, Vanete; Vendruscolo, Eliane; Rochadelli, Roberto; Bretanha Ribeiro, Paulo; Freitag, Alaércio; Henemann, Carlos; Uemura, Márcio.
Ci. Rural; 32(5)2002.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-704060

Resumo

This study was conducted at the Campus Palotina - UFPR, in three farms of Palotina county, Paraná State Brazil, between November (1997) and May (1999) with the intention to evaluate: a) the monthly fluctuation of Dermatobia hominis (Linnaeus Jr., 1781) larvae in Black and White Holstein bovines and the larvae distribution on the body surface and b) the seasonal distribution of diptera of D. hominis eggs vector. For insects collection two traps types were used: MAGOON and Wind Oriented Trap (WOT). A total of 346 D. hominis larvae were expelled by manual compression. By analyzing the nodules frequencies of D. hominis larvae in animals a significant difference (p> 0.001) relative to localization of parasites was observed. The infestation intensity was bigger in the left side of animals where a total of 240 nodules was observed, representing a relative frequency of 69.36%. According to the number of parasites it higher intensity, in three regions of animals body was found. The first region was composed by foreleg, chuck and ribs. The second one formed by neck and flanks and the last one by the pelvic members, abdomen, tail and thorax. During the experimental period, 5887 Diptera specimens were caught by MAGOON and WOT traps, classified in different Diptera families; the most abundant families were: Calliphoridae, Sarcophagidae and Muscidae.
O presente trabalho foi desenvolvido na UFPR - Campus Palotina, no Paraná, e em três propriedades rurais do mesmo município, durante o período de novembro de 1997 a maio de 1999. O experimento foi delineado com os objetivos de avaliar: a) a flutuação de larvas de Dermatobia hominis (Linnaeus Jr., 1781) em bovinos da raça Holandesa Preto e Branco criados no município de Palotina, e a distribuição desses ectoparasitos na superfície corporal de bovinos; e b) a sazonalidade dos principais dípteros vetores de ovos de D. hominis. Para a captura dos insetos vetores, foram utilizados dois tipos de armadilhas: MAGOON e orientada pelo vento (wind oriented trap = WOT). Um total de 346 larvas foram expulsas por meio de compressão manual, sendo que a intensidade de larvas foi maior no lado esquerdo do animal, onde foi constatado um total de 240 nódulos (69,36%). Analisadas as freqüências de nódulos de berne nos animais, ficou demonstrado que houve diferença significativa (p>0,001) na tendência parasitária. Três regiões corpóreas foram mais parasitadas. A primeira é formada pelos membros torácicos, paletas e costelas; a segunda é formada pelo pescoço e flancos, e a terceira, formada pelas regiões dos membros pélvicos, barbela, ventre, cauda e tórax. Durante o período experimental foram capturados, nas armadilhas WOT e de MAGOON, 5.887 dípteros pertencentes a diferentes famílias. Verificou-se que as famílias Calliphoridae, Sarcophagidae e Muscidae foram as mais prevalentes.
Biblioteca responsável: BR68.1