Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Morphometry of megakaryocytes in the liver of New Zealand White rabbits during intrauterine and postnatal development

Rita Pacheco, Maria; Ferreira, Nilson; Rodrigues Melo, Válder; Martinez Baraldi-Artoni, Silvana; Marcos Orsi, Antonio; Rita Fernandes Machado, Márcia; Singaretti de Oliveira, Fabrício.
Ci. Rural; 32(6)2002.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-704088

Resumo

The hepatic megakaryocytic cells of New Zealand White rabbit in the intrauterine phase and in the immediate postnatal period were studied. Statistical analysis of the data concerning the cytoplasm and nucleus of those cells, i.e., area, perimeter, maximum diameter, minimum diameter, volume and shape factor, presented significant differences (p 0.01) for F values concerning the life phases studied on15th, 22nd and 29th day of intrauterine life and 10th day of postnatal life, and for F values for animal within each phase. The Tukeys test showed that most of the parameters studied in the cytoplasm and nucleus of these megakaryocytic cells presented the lowest values on the 15th day of intrauterine life and the highest on the 22nd day of the same phase.
As células megacariocíticas hepáticas de coelhos da raça Nova Zelândia Branco foram estudadas na fase intra-uterina e no período pós-natal imediato. A análise estatística dos dados referentes ao citoplasma e núcleo dessas células, isto é, área, perímetro, diâmetro máximo, diâmetro mínimo, volume e fator de forma apresentaram diferenças significativas (p 0,01) para os valores de F relativos às fases estudadas no 15º, 22º e 29º dia de vida intra-uterina e 10º dia de vida pós-natal, e para os valores de F para animal dentro de cada fase. O teste de Tukey mostrou que a maioria dos parâmetros estudados no citoplasma e núcleo dessas células apresentou os menores valores no 15º dia de vida intra-uterina e os maiores no 22º dia da mesma fase.
Biblioteca responsável: BR68.1