Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Qualidade de pêssegos cv. "Eldorado" tratados com aminoetoxivinilglicina e ethephon e armazenados em atmosfera controlada

Brackmann, Auri; Fabiano Hettwer Giehl, Ricardo; Sestari, Ivan; Alfredo Vilela Pinto, Josuel; Cristina Eisermann, Ana.
Ci. Rural; 37(1)2007.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-705192

Resumo

The effect of preharvest application of aminoethoxyvinylglycine (AVG) and ethephon combined with controlled atmosphere (CA) storage conditions on peach fruit (cv. Eldorado) quality maintenance and chilling injury prevention was investigated, aiming at the maritime transport. Treatments evaluated were preharvest application of AVG (125g ha-1 and 250g ha-1 at 15 or 21 days before harvest), ethephon (140g ha-1 7 days before harvest), and control, combined with two CA conditions (1.0kPa O2 + 3.0kPa CO2 and 2.0kPa O2 + 5.0kPa CO2 at 0°C). After 24 days of CA storage plus 2 and 4 days of shelf-life at 15°C, preharvest application of ethephon stimulated fruit ripening by increasing ethylene production and decreasing both flesh firmness and titratable acidity. Application of AVG did not delay fruit ripening. However, fruit treated with 125g ha-1 of AVG at 15 days before harvest showed lower incidence of internal browning than ethephon-treated and control fruit. Furthermore, storage of fruit under CA with 2.0kPa O2 + 5.0kPa CO2 allowed higher titratable acidity and lower incidence of internal browning.
O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito da combinação da aplicação em pré-colheita de aminoetoxivinilglicina (AVG) e de ethephon com o armazenamento em atmosfera controlada (AC) na manutenção da qualidade e na redução de desordens causadas pela baixa temperatura em pêssegos cv. "Eldorado", visando ao transporte marítimo. Os tratamentos constituíram-se da aplicação de AVG (125g ha-1 e 250g ha-1 aos 15 ou 21 dias antes da colheita), de ethephon (140g ha-1 aos sete dias antes da colheita) e do controle (sem aplicação de produtos), combinados com duas condições de armazenamento em AC 1,0kPa de O2 + 3,0kPa de CO2 e 2,0kPa de O2 + 5,0kPa de CO2 a 0°C. Após 24 dias de armazenamento em AC e de mais dois e quatro dias a 15°C, simulando o período médio de transporte marítimo até a Europa, observou-se que a aplicação de ethephon aumentou a produção de etileno e reduziu a acidez titulável e a firmeza da polpa dos frutos, acelerando o amadurecimento. A aplicação de AVG na pré-colheita não retardou o amadurecimento dos frutos, porém a aplicação 125g ha-1 de AVG aos 15 dias antes da colheita reduziu a incidência de escurecimento da polpa, em relação ao controle e ao ethephon. Além disso, a condição de atmosfera controlada com 2,0kPa de O2 + 5,0kPa de CO2 permitiu maior acidez titulável e menor incidência de escurecimento da polpa.
Biblioteca responsável: BR68.1