Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Caracterização físico-química de amostras de méis de Apis mellifera L. (Hymenoptera: Apidae) do Estado do Ceará

da Silva Sodré, Geni; Carlos Marchini, Luís; Carolina de Camargo Carmelo Moreti, Augusta; Pozar Otsuk, Ivani; Alfredo Lopes de Carvalho, Carlos.
Ci. Rural; 37(4)2007.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-705371

Resumo

This research was aimed at to determining physico-chemical characteristics honey samples collected in cities of Ceara States (Araripe; Santana do Cariri 1 sample; Assaré 1 sample; Iguatu 8 samples; Crato 4 samples; Missão Velha 2 samples and Pacajús 3 samples), they were determined at the laboratory of Apiculture in the "Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz" (ESALQ) University of São Paulo, in Piracicaba, São Paulo State: total sugar, reducing sugars, apparent sucrose, humidity, diastase activity, hydroxymethylfurfural (HMF), protein, ash, pH, acidity, formol index, electrical conductivity, viscosity and color of 20 samples of Apis mellifera L., 1758 honey collected between March of 2002 and August of 2002. Most of the samples of honey analyzed (65%) are inside of the Brazilian specifications for the characteristics physical-chemistries except for the characteristics apparent sucrose (10% of the samples), humidity (10% of the samples), diastase activity (35% of the samples) and HMF (20% of the samples). The results showed electrical conductivity and apparent sucrose as characteristics that most influenced grouping samples.
Com o objetivo de verificar as características físico-químicas de amostras de méis coletadas em cidades do Estado do Ceará (Araripe, Santana do Cariri, Assaré, Iguatu, Crato, Missão Velha e Pacajús), foram determinados no Laboratório de Apicultura do Departamento de Entomologia, Fitopatologia e Zoologia Agrícola da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", USP: açúcares totais, açúcares redutores, sacarose aparente, umidade, atividade diastásica, hidroximetilfurfural, proteína, cinzas, pH, acidez, índice de formol, condutividade elétrica, viscosidade e cor de 20 amostras de méis Apis mellifera L., 1758, coletadas entre março de 2002 e agosto de 2002. A maioria das amostras de méis analisadas (65%) encontra-se dentro das especificações brasileiras para as características físico-químicas, com exceção das características sacarose aparente (10% das amostras), umidade (10% das amostras), atividade diastásica (35% das amostras) e HMF (20% das amostras). Os resultados indicaram condutividade elétrica e a sacarose aparente como as características que mais influenciaram no agrupamento das amostras.
Biblioteca responsável: BR68.1