Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Quantificação de células CD34+ do sangue do cordão umbilical de cães

Paula Massae Nakage, Ana; Evangelista Santana, Aureo; Luisa Buffo de Cápua, Maria; Vieira Godoy, Aline.
Ci. Rural; 39(2)2009.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-705737

Resumo

Stem cells promote the reconstitution of the hematopoietic and other tissues, and are present in the embryo, peripheral blood, bone marrow and umbilical cord blood (UCB). The experimental models of bone marrow and peripheral blood stem cells in dogs provide important information for stem cells transplants in humans. However, there are no studies on the UCB cells of dogs in Brazil. This experiment aimed at quantifying nucleated and stem cells in the umbilical cord of dogs having as its purpose the hematological recuperation. In this assay, UCB of 40 neonates dogs was collected for nucleated cell count in automatic cell counter and stem cell CD34+ count in flow cytometer. The method of UCB collection at the juxta-placental portion of the umbilical vessels allowed UCB blood and stem cell CD34+ quantification. The nucleated cell values of UCB were reduced as compared to the reference values of the peripheral blood of healthy neonate and adult dogs. Despite the small volume of UCB (1325µL), the quantity of stem cells in the canine umbilical cord (3.38±2.72 CD34+ x10(6) kg-1) is similar to that reported in the bone marrow and mobilized peripheral blood of adult dogs, coinciding with the amount recommend for hematopoetic reconstitution.
As células-tronco promovem a reconstituição hematopoética e de outros tecidos, estando presentes no embrião, no sangue periférico, na medula óssea e no sangue do cordão umbilical (SCU). Os modelos experimentais de células-tronco do sangue periférico e da medula óssea em cães têm propiciado informações relevantes para transplantes de células-tronco em humanos. Entretanto, não existe estudo sobre as células-tronco no SCU canino no Brasil. O objetivo deste ensaio foi quantificar as células nucleadas e as células-tronco CD34+ no SCU de cães para propostas de reconstituição hematológica. No presente protocolo experimental, a coleta de SCU de 40 cães neonatos foi realizada para contagem das células nucleadas no contador automático de células sangüíneas e contagem das células-tronco CD34+ no citômetro de fluxo. O método de coleta do SCU na porção justaplacentária dos vasos umbilicais permitiu a quantificação das células-tronco CD34+. Os valores das células nucleadas do SCU foram reduzidos em relação àqueles do sangue periférico de cães sadios recém-nascidos e adultos. Apesar do volume escasso de SCU (1325µL), a quantidade de células-tronco do cordão umbilical canino (3,38±2,72 CD34+ x10(6) kg-1) é semelhante àquela reportada para medula óssea, bem como para o sangue periférico mobilizado de cães adultos, sendo coincidente com aquela preconizada para reconstituição hematopoética.
Biblioteca responsável: BR68.1