Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Espaçamento entre plantas de sorgo granífero: produtividade de grãos e qualificação do modelo estatístico

José Lopes, Sidinei; Brum, Betania; Storck, Lindolfo; Dal'Col Lúcio, Alessandro; Reis da Silveira, Tatiani; Toebe, Marcos.
Ci. Rural; 39(3)2009.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-705841

Resumo

The objective of this research was to study the regularity of sorghum plants within row, its relationship to grain yield and its effects on statistical analysis. The sorghum variety used was 'BR 304' and the experiment was conducted at the Federal University of Santa Maria at two seeding dates (12/07/05 and 01/05/06) using six plots, three plots at the seeding one date and three plots at the seeding two date. Therefore, the total of plants evaluated was 864 (36 plants/line * 4 lines/plot * 3 plot/seeding date * 2 seeding date). Each plot consisted of four rows (spaced 0.5m) totaling 36 plants. For each plot, the grain yields of each individual plants was measured (Y) and the respective row space occupied by that plant (X) identifying the row (1 to 4) and the number of the plant in the row (1 to 36). For each variable (X and Y) the following tests were conducted: randomness around the mean, Lilliefors normality and homogeneity of variances, for each row and plot as well as the normality for each established plant spacing class (bellow the standard, standard and above standard). Failure on the propositions (normality, randomness and homogeneity of variances) of the variable spacing among plants did not affect the propositions for grain yield of these plants. A covariance analysis for sorghum grain yield, as function of spacing among plants , should be used when spacing between plants is big or when plants are irregularly spaced within row.
O objetivo deste trabalho foi estudar a regularidade do espaçamento entre plantas de sorgo granífero em relação à produtividade de grãos para a qualificação da análise estatística. O experimento com sorgo granífero, cultivar 'BR 304', foi conduzido na Universidade Federal de Santa Maria. Seis parcelas de sorgo foram cultivadas em duas épocas (07/12/05 e 05/01/06), três parcelas na época 1 e três parcelas na época 2. Portanto, o total de plantas avaliadas foram 864 (36 plantas/linha * 4 linhas/parcela * 3 parcela/época * 2 épocas). Cada parcela foi constituída por quatro fileiras (espaçadas em 0,5m) com 36 plantas. De cada parcela foi anotada a produtividade de grãos de sorgo de cada planta (Y) e o respectivo espaçamento ocupado pela planta (X), com a identificação da fila (1 até 4) e o número de ordem da planta dentro da fila (1 até 36). Para cada variável (X e Y), foram procedidos os testes de aleatoriedade em torno da média, normalidade de Lilliefors e homogeneidade de variâncias por fila e por parcela, bem como, o teste de normalidade para cada classe de espaçamento entre plantas estabelecida (abaixo do padrão, padrão e acima do padrão). As falhas nos pressupostos (normalidade, aleatoriedade e homogeneidade de variâncias) da variável espaçamento entre plantas não afetam os pressupostos da produtividade de grãos destas plantas. A análise de covariância para a produtividade de grãos do sorgo granífero, em função do espaçamento entre plantas, deve ser usada quando o espaçamento entre plantas é alto ou em casos de espaçamentos irregulares entre plantas.
Biblioteca responsável: BR68.1