Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Adição de complexo enzimático e da granulometria da soja integral desativada melhora desempenho de frangos de corte

Opalinski, Michelly; Maiorka, Alex; da Cunha, Fábio; da Rocha, Chayane; Aparecido Borges, Sebastião.
Ci. Rural; 40(3)2010.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-706558

Resumo

This experiment was carried out to evaluate the effect of the enzymatic complex addition and deactivated full-fat soybean particle size on performance of broilers in the period from 1 to 42 days of age. Four hundred and eighty male broiler chicks from the Ross strain were used, allotted to a completely randomized factorial scheme 2x2 (enzyme x particle size). The experimental diets were based on corn, soybean meal and (±1.5 mm or ±4.0mm) deactivated full-fat soybean, with or without enzyme. The enzymatic complex (xylanase, b-glucanase, mannase, pectinase and protease) was supplied in the dose of 50g t-1ration. The enzymatic complex addition increased (P=0.0531) the diet intake in 4% and the weight gain in 2.8% in the final period. The feed intake increased 3% in the final period and 2% in the total period in poultry that were fed with fine particle size diet. In the initial period, the chicks that ingested the coarse particle size diet had a 5% weight gain increase and had the greater feed rates. The addition of the enzymatic complex in diets with deactivated full-fat soybean improves the performance of chickens. The use of the soy with fine particle size (1,5mm) in the initial phases for chickens is not recommended.
O experimento foi conduzido com objetivo de avaliar o efeito da adição de complexo enzimático e da granulometria da soja integral desativada sobre o desempenho de frangos no período de um a 42 dias de idade. Foram utilizados 480 pintos machos da linhagem Ross, distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2x2 (enzima x granulometria). As rações experimentais foram formuladas à base de milho, farelo de soja e soja integral desativada (±1,5mm), soja integral desativada (±1,5mm) + enzima, soja integral desativada (±4,0mm) e soja integral desativada (±4,0mm) + enzima. O complexo enzimático (xilanase, -glucanase, mannase, pectinase e protease) foi adicionado na dosagem de 50g t-1 de ração. A adição do complexo enzimático aumentou (P=0,053) em 4% o consumo de ração e 2,8% o ganho de peso no período final de criação. O consumo de ração foi aumentado em 3% no período final e (P=0,048) 2% no período total em aves que ingeriram ração com granulometria 1,5mm. No período inicial, as aves que ingeriram ração com granulometria 4,0mm tiveram aumento de 5% no ganho de peso e obtiveram os melhores índices de conversão alimentar. A adição do complexo enzimático em dietas à base de soja integral melhora o desempenho de frangos. Não é recomendada a utilização da soja com granulometria 1,5mm nas fases iniciais para frangos.
Biblioteca responsável: BR68.1