Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Variabilidade produtiva e agrupamentos de colheitas de abobrinha italiana cultivada em ambiente protegido

Howes Carpes, Ricardo; Dal'Col Lúcio, Alessandro; José Lopes, Sidinei; Benz, Vilson; Haesbaert, Fernando; Santos, Daniel.
Ci. Rural; 40(2)2010.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-706897

Resumo

In the experimental planning the variability among portions can alter the estimates of the plot sizes and of sample, besides the number of repetitions and definition of the experimental designs. To verify the variability interference of the estimates of values used to determinate the plot size with different numbers of plants and groupings of crops, a two-experiment work was carried out. The first trial was carried with zucchini in winter/spring of 2004 and the second in the summer/autumn of 2005. The plants were cultivated in plastic tunnel, with drip irrigation with three lines with 24 plants per row, spacing among plants 0.8m and among lines 1.2m. Each plant was considered as a basic unit (UB) of the plot size. The sequence of two, three and four plants in the crop row formed the plots of two, three and four UB of size (X). Analyses were accomplished considering only considered individual and combined harvests. In both experiments, the estimative of variance, variation coefficient and relative information index were obtained. Bartlett's test was applied among the variances of the individual and combined harvests in each size of simulated plot. There were some increases in the estimative in the variance of fruits biomass with the increase of the plot size and/or the number of grouped harvests. The variances, among the grouped harvests, were homogeneous, considering the grouping of three harvests. The relative information index and the relative coefficient present values close to 100% with the groupings of crops. The arrangement of four groups of combined harvests, joined with plots of four plants for zucchini reduce the variability among plots.
No planejamento experimental, a variabilidade entre parcelas pode alterar as estimativas dos tamanhos de parcela e de amostra, além do número de repetições e definição do delineamento experimental. Para verificar a interferência da variabilidade das estimativas de valores usados na determinação do tamanho de parcelas com diferentes números de plantas e agrupamentos de colheitas, realizou-se um trabalho com dois experimentos. Um experimento foi realizado no inverno/na primavera de 2004, e outro, no verão/outono de 2005 com a cultura da abobrinha italiana. As plantas foram cultivadas em túnel plástico, com irrigação por gotejamento, com três linhas de cultivo, 24 plantas por linha e espaçamento entre plantas de 0,8m e entre filas de 1,2m. Cada planta foi considerada como a unidade básica (UB) do tamanho da parcela. A sequência de duas, três ou quatro plantas na linha de cultivo formou as parcelas (X). Foram realizadas análises considerando-se apenas colheitas individuais e colheitas agrupadas. Para cada experimento, foram obtidas as estimativas da variância, do coeficiente de variação e do índice de informação relativa. Aplicou-se o teste de Bartlett entre as variâncias das colheitas individuais e agrupadas em cada tamanho de parcela simulado. Foram verificados acréscimos nas estimativas da variância da fitomassa de frutos com o aumento do tamanho da parcela e/ou do número de colheitas agrupadas. As variâncias entre as colheitas agrupadas foram homogêneas a partir do agrupamento de três colheitas. O índice de informação relativa apresentou valores próximos a 100% com os agrupamentos de colheitas. O arranjo de quatro grupos de colheitas agrupadas, combinado com parcelas de quatro plantas, reduz a variabilidade entre parcelas.
Biblioteca responsável: BR68.1