Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Diferentes tempos de eletroestimulação neuromuscular (eenm) de média frequência (kotz) em cães

Pelizzari, Charles; Gaspar Raiser, Alceu; Mazzanti, Alexandre; Zaninni Salbego, Fabiano; Festugatto, Rafael; Vilibaldo Beckmann, Diego; Gabriela Monteiro Carvalho Mori da Cunha, Marina; Passos dos Santos, Rosmarini; Maria Callegaro Serafini, Gabriele; de Santana Marques, Jenifer; Baumhardt, Raquel.
Ci. Rural; 41(9)2011.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-707593

Resumo

The aim of this study was to use medium frequency Neuromuscular Electrical Stimulation (NMES) in femoral quadriceps muscle of dogs with induced muscular atrophy to evaluate the occurrence of mass gain in these muscles and to compare NMES in different periods of treatment. Eight dogs, weighing between 15 and 25kg, were randomly placed in two groups: GI (NMES for 30min), GII, (NMES for 60min). For the muscular atrophy induction, the right knee was immobilized for 30 days by the percutaneous transfixation type II method. NMES was carried out in the dogs of which groups, three times a week, in between 48h each session, in a period of 60 days. The parameters measured were: thigh perimetry, knee goniometry, creatine kinase (CK) enzyme activity and morphometry of the muscular fibers in transversal cuts of the vastus lateralis muscle, collected through a muscular biopsy. There was no significant difference regarding the values of thigh perimetry and CK enzyme activity. The goniometry presented a significant increase (P 0.05) in the groups GI and GII at 30 days from the surgical procedure for immobilization when compared with time zero. In the vastus lateralis fibers morphometry, a significant increase (P 0.05) was observed in the transversal area of the treated groups GI e GII at 90 days from the surgical procedure for immobilization when compared with time zero. Thus, it can be concluded that NMES of medium frequency causes hypertrophy of the vastus lateralis muscle in dogs after induced muscular atrophy. NMES for 60min (GII) presents a greater muscular gain related to the GI.
O objetivo desta pesquisa foi empregar a estimulação elétrica neuromuscular (EENM) de média frequência no músculo quadríceps femoral de cães com atrofia muscular induzida, avaliar o ganho de massa muscular e comparar a EENM sob diferentes tempos de tratamento. Foram utilizados oito cães, pesando entre 15 e 25kg e distribuídos aleatoriamente em dois grupos denominados de GI (30minutos) e GII (60minutos). Para a indução da atrofia muscular, a articulação do joelho direito foi imobilizada por 30 dias por transfixação percutânea tipo II. Após a retirada do aparelho de imobilização, foi realizada a EENM nos cães dos grupos GI e GII três vezes por semana, com intervalo mínimo de 48 horas entre cada sessão, pelo período de 60 dias. Foram mensuradas a perimetria da coxa, goniometria dos joelhos, atividade da enzima creatina-quinase (CK) e morfometria das fibras musculares do vasto lateral em cortes transversais colhido mediante a biópsia muscular. Não houve diferença quanto aos valores da perimetria da coxa e atividade da enzima CK. A goniometria revelou significância (P 0,05) nos grupos GI e GII entre os tempos zero e 30 minutos. Os grupos GI e GII apresentaram aumento significativo (P 0,05) da área de secção quando comparados com o dia zero e noventa. Pode-se concluir que a EENM de média frequência ocasiona hipertrofia do músculo vasto lateral em cães após atrofia muscular induzida. A EENM com duração de 60minutos (GII) promove um maior ganho de massa muscular em relação ao GI.
Biblioteca responsável: BR68.1