Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Linfadenectomia laparoscópica em cadela com neoplasia mamária

Wiecheteck de) Souza, Fernando; Veloso) Brun, Maurício; Barboza de) Nardi, Andrigo; Ricardo) Huppes, Rafael; Quarterone, Carolina; Mariana Morata) Raposo, Talita; Natasha) Kasper, Priscila; Teresa de) Oliveira, Marília; Luizari Guedes, Rogério.
Ci. Rural; 43(4)2013.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-708580

Resumo

The laparoscopic lymphadenectomy is routinely performed in medicine, but not in veterinary medicine. This report describes a case of female canine with tumors in the left mammary chain (M4 and M5), which was subjected to intra-dermal application of sterile methylene blue, around the largest tumor (M5) which tried to demarcate the lymphatic vessels and regional lymph nodes. After 15 minutes, laparoscopic lymphadenectomy involving the abdominal in the left pelvic region started, followed by laparoscopic ovariohysterctomy (OVH) using three portals access. It was also performed an unilateral left total mastectomy. For histology, two abdominal lymph nodes were free of tumor cells. The patient had no recurrence in 60 days.
A linfadenectomia laparoscópica é realizada de forma rotineira na medicina, contudo é pouco utilizada na veterinária. Neste relato, um canino fêmea apresentando tumores na cadeia mamária esquerda (M4 e M5), foi submetido à aplicação intradérmica do azul de metileno estéril, ao redor do maior tumor (M5), buscando-se demarcação dos vasos linfáticos e linfonodos regionais. Após 15 minutos, iniciou-se a linfadenectomia abdominal videolaparoscópica na região inguinal esquerda, seguida da ovário-histerectomia (OVH) lapararoscópica com três portais. Realizou-se ainda mastectomia total unilateral esquerda. Pela histologia, obtiveram-se dois linfonodos abdominais livres de células tumorais. A paciente não apresentou recidiva em 60 dias.
Biblioteca responsável: BR68.1